PUBLICIDADE

Suplementos para emagrecer: entenda como eles funcionam

Especialistas revelam os segredos das principais substâncias que favorecem a perda de gordura corporal

18 nov 2021 15h04
| atualizado em 19/11/2021 às 17h08
ver comentários
Publicidade
Suplementos para emagrecer são apenas um complemento alimentar
Suplementos para emagrecer são apenas um complemento alimentar
Foto: Shutterstock / Saúde em Dia

É preciso ter cuidado com suplementos para emagrecer, ganhar massa muscular ou qualquer outra finalidade. Antes de tudo, não se pode esquecer que, seja qual for o seu objetivo, esses produtos funcionam apenas como um complemento alimentar. Para quem quer ganhar massa muscular, por exemplo, de nada adianta tomar o melhor whey protein do mundo e não frequentar a academia. Esse raciocínio vale para todas as outras metas. Inclusive, perder gordura corporal.

De acordo com dados do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), mais da metade dos brasileiros estão acima do peso ideal e, aproximadamente, 25% deles já são considerados obesos. Para quem não sabe, segundo definição da OMS (Organização Mundial de Saúde), a obesidade é uma doença crônica, que causa inúmeros prejuízos para o organismo e, se não for tratada corretamente, pode provocar a morte.

"Dentre as várias etapas do tratamento médico para a obesidade, nós temos a orientação com relação a mudanças de comportamento cognitivo, orientação de mudanças de hábitos alimentares, orientação com relação à prática adequada de atividade física e a eventual prescrição de suplementos, medicamentos e terapias associadas para que esse paciente consiga manejar e tratar a doença", explica a médica nutróloga Dra. Marcella Garcez, professora e diretora da Associação Brasileira de Nutrologia (ABRAN).

Os melhores suplementos para emagrecer com saúde

Mesmo para quem não está em estado de obesidade, mas, em contrapartida, ganhou alguns quilinhos recentemente — principalmente durante a quarentena imposta pela pandemia de Covid-19 — a recomendação é rever hábitos. Ter uma dieta mais equilibrada e realizar exercícios físicos são ótimas maneiras de melhorar o condicionamento. No entanto, também é possível apostar em suplementos para emagrecer.

De acordo com o treinador e assessor esportivo, Leandro Twin, o melhor suplemento para emagrecer é a cafeína. Tudo devido ao efeito termogênico que ela exerce no organismo, acelerando o metabolismo e proporcionando mais disposição para a realização de atividades físicas.

"A cafeína é o mais forte termogênico natural que a gente vai encontrar. Porém, o que vemos são pessoas pegando cafeína e adicionando várias outras substâncias, como pimenta e gengibre, e vendendo isso como um termogênico supercaro. O poder de termogênese da cafeína — que é a melhor fonte natural — ainda assim é baixo. E o do restante é razoavelmente irrelevante. Portanto, o melhor suplemento é a cafeína pura, onde você vai pagar mais barato, pela melhor substância termogênica", conta Twin.

No entanto, também existem outros suplementos para emagrecer, que podem ter um papel importante na queima de gordura. Para a nutricionista Amanda Guimarães, o cromo é um deles, já que atua diretamente no metabolismo dos carboidratos ingeridos. "Ajuda no controle da insulina e ameniza a fome, além de colaborar com uma das maiores dificuldades na hora de fazer dieta: a vontade de comer doce", explica.

A profissional também cita a L-Carnitina como outro bom suplemento para emagrecer. "É utilizada com o objetivo de potencializar a queima de gordura, gerar mais energia para os músculos e melhorar o desempenho físico. Ela faz com que nosso corpo utilize nossa gordura com mais facilidade durante as atividades físicas e traz bons resultados também para pessoas com diabetes", revela.

Por fim, o glucomannan aparece como uma opção natural de suplemento para emagrecer. Apesar do nome complicado, trata-se apenas de uma fibra vegetal, retirada do konjac — tradicional raiz medicinal, muito utilizada na Ásia. Segundo Gabriela Rodrigues, nutricionista do Smart Fit Nutri, ele funciona como uma espécie de inibidor de apetite. "Promove a sensação de saciedade, já que essa fibra retarda o esvaziamento gástrico e o trânsito intestinal, ajudando a controlar a fome", relata.

Importante — Vale lembrar que o uso indiscriminado de medicamentos e suplementos para emagrecer ou qualquer outra finalidade, tende a ser perigoso. É fundamental consultar um profissional de nutrição, para avaliar suas condições físicas e decidir se realmente existe a necessidade de consumir algum produto citado acima.

Saúde em Dia
Publicidade
Publicidade