PUBLICIDADE

Hábito de morder os lábios pode trazer mais malefícios à saúde do que você imagina

Comportamento repetitivo também é conhecido como dermatofagia; entenda os efeitos

12 abr 2024 - 14h09
(atualizado às 14h09)
Compartilhar
Resumo
O hábito de morder os lábios pode ser associado a algumas condições médicas e causar danos à pele, a longo prazo. Dicas para solucionar o problema incluem descobrir os gatilhos desta ação e trocar o hábito por outro menos agressivo.
Hábito de morder os lábios pode não ser tão inofensivo quanto parece
Hábito de morder os lábios pode não ser tão inofensivo quanto parece
Foto: Deagreez

Parece inofensivo, mas não é. O hábito de morder os lábios pode trazer mais malefícios à saúde do que você imagina. Geralmente relacionada ao estresse ou à ansiedade, esta prática é conhecida no meio médico pelo nome de dermatofagia, doença que faz as pessoas morderem a própria pele. 

Mas calma lá, antes de revelarmos as causas e consequências desse hábito, queremos dizer que você não está sozinho nessa. No TikTok, a frase "problema de morder os lábios" já possuiu 102,7 milhões de visualizações e não para de crescer, seguida pela pergunta "como parar de morder os lábios".

Especialistas advertem que essa mania pode estar associada a certas condições médicas, como transtorno obsessivo-compulsivo (TOC), transtorno de déficit de atenção e hiperatividade (TDAH) ou dermatilomania, também conhecido como distúrbio cutâneo. Além disso, vale lembrar que morder os lábios também pode ser uma ação inconsciente e não recorrente.

Para o médico Dr Kaywaan Khan, mastigar a boca proporciona alívio temporário da tensão. Fora isso, o especialista explica, nesta matéria da Refinery 29, que "[morder os lábios e cutucar a pele] também pode causar dor ou desconforto, o que estimula o corpo a liberar endorfinas para o alívio da dor. Essas endorfinas podem proporcionar uma sensação temporária de alívio ou prazer, reforçando o comportamento.”

A longo prazo, morder os lábios pode causar traumas repetitivos na pele, o que causa danos aos tecidos da região, tornando a área mais suscetível a infecções. “Morder os lábios pode piorar os lábios secos que já estão rachados, pois remove a camada superior protetora da pele [a barreira da pele] e expõe o delicado tecido labial a fatores ambientais”, diz Dr Khan. 

Para combater o hábito, o primeiro passo é reconhecer o "vício" e tentar descobrir os gatilhos para esta ação. Questione-se: você está mordendo os lábios porque está se sentindo entediado, ansioso ou estressado? Você também pode trocar o hábito por outro menos agressivos, como o uso de uma bola anti-stress ou até mesmo o ato de chupar uma bala. O que vale é proteger a região deste costume nada saudável. 

Arrependidos? 7 famosos que reverteram a harmonização facial Arrependidos? 7 famosos que reverteram a harmonização facial

Fonte: Redação Terra Você
Compartilhar
Publicidade