PUBLICIDADE

Ex-anoréxica, inglesa vira fisiculturista e consome 5 mil calorias por dia

Lisa Cross treina durante uma hora e meia, seis dias por semana, e faz 10 refeições por dia

19 set 2013 14h03
| atualizado às 14h04
ver comentários
Publicidade
<p>Lisa começou a levantar pesos e em 2007 foi assistir a uma competição de fisiculturistas em Los Angeles</p>
Lisa começou a levantar pesos e em 2007 foi assistir a uma competição de fisiculturistas em Los Angeles
Foto: Reprodução

Após uma adolescência convivendo com desordens alimentares, a inglesa Lisa Cross hoje dedica a vida ao corpo e se transformou em fisiculturista. Aos 35 anos, ela mantém rígida rotina de exercícios e ingere 5 mil calorias diárias, 10 vezes mais do que as 500 que comia quando sofria de anorexia. "Nunca me senti tão feliz. Me sinto sexy e feminina", afirmou o jornal Daily Mail.

Lisa revelou que comia apenas uma fruta pela manhã e bebia água no resto do dia. "Sempre tive uma atitude estranha em relação à comida. Recusava comer na frente de outras pessoas e sempre arrumava desculpas para não estar no momento das refeições. Se alguém me forçava a comer, ficava agressiva", revelou.

Hoje ela ingere aveia, arroz, shakes de proteína, bebidas para repor substâncias perdidas durante os treinos, carne e brócolis. "Ao longo dos anos de treinamento, minha atitude em relação à comida mudou completamente. Não como para sentir o sabor, vejo comida como um combustível, enquanto antes temia com o que ela poderia fazer com o meu corpo", disse.

A inglesa percebeu que não cuidava bem da saúde quando um dia seu cabelo começou a cair. "Foi um alarme para mim. Sentia dores no coração e vivia resfriada. Minhas articulações doíam e não tinha energia alguma." Decidida a mudar de vida, ela passou a comer e chegou a usar manequim 42, mas hábitos alimentares permaneceram ruins. "Comia doces, como bolos e bolachas, tomava energéticos e refrigerantes, mas ainda não queria comer na frente de ninguém", conta.

A mudança definitiva veio quando Lisa começou a namorar um fisiculturista, ao se mudar para o Japão. A inglesa conta que sua relação com a comida mudou, já que as refeições são tidas como experiência comunitária e os pratos são saudáveis. Lisa começou a levantar pesos e em 2007 foi assistir a uma competição de fisiculturistas em Los Angeles. Dois anos depois, começou a treinar para participar de sua primeira prova. Desde então, ela vem participando de competições e agora espera competir pelo título de Ms Olympia, disputa mundial de fisiculturistas. A inglesa treina durante uma hora e meia, seis dias por semana e faz 10 refeições por dia.

Fonte: Terra
Publicidade
Publicidade