PUBLICIDADE

Fisgada na barriga ao correr: o que é e como evitar

Sabe aquela dor aguda na lateral do abdômen? O incômodo é comum, mas pode ser evitado

4 mai 2022 16h43
ver comentários
Publicidade
Fisgada na barriga ao correr
Fisgada na barriga ao correr
Foto: Shutterstock / Sport Life

Você começa a se exercitar, sente que está em um bom ritmo, se anima e, do nada, começa a sentir uma fisgada na barriga ao correr. Parece uma pontada na região lateral do abdômen, que aparece toda vez que você puxa o ar para respirar. Uma dor que gera um desconforto enorme e te faz interromper a atividade física.

Sentir essa fisgada na barriga ao correr, em um primeiro momento, pode até mesmo assustar. Mas, geralmente, ela vai embora no mesmo instante em que você para de se exercitar. Esse incômodo, infelizmente, é comum. Principalmente se você for um iniciante. Mas, é totalmente possível evitar.

O que é a fisgada na barriga ao correr

Para se livrar da fisgada na barriga ao correr, o primeiro passo é entender o que é esse problema. "A respiração superficial e rápida pode desencadear esse incômodo. A dor na lateral é aguda, localizada e passageira, assim como uma cãibra, e é resultado de um espasmo do diafragma (músculo que separa o tórax do abdômen), por conta da redução do fluxo sanguíneo para ele", explica Carla Malaguti, especialista em fisiologia respiratória.

Entre as principais causas da fisgada na barriga ao correr estão:

  • Treino com o estômago cheio;
  • Conversa durante o treino;
  • Começo muito forte;
  • Falta de treino;
  • Frio intenso.

Portanto, para evitar que a fisgada na barriga ao correr apareça, é fundamental fugir de todos esses itens citados acima. Mas, se mesmo assim o incômodo insistir em te perseguir, tente diminuir o ritmo e respirar de forma mais lenta e profunda.

"Respire profundamente pelo nariz, enchendo bem os pulmões, e solte o ar profundamente pela boca. Repita essa ação várias vezes até a dor passar. Isso fará com que o fluxo sanguíneo volte ao normal e você pode dar continuidade à atividade", aconselha educadora física, Maria Carolina.

Além disso, para se livrar da fisgada na barriga ao correr, também é interessante elevar os braços e fazer duas inspirações profundas, expandindo bem os pulmões, o diafragma e o abdômen.

Se você ficou muito tempo parado e está voltando agora a prática das atividades físicas, é mais provável que sofra com a dor na lateral. Pois, a atividade pede um certo nível de condicionamento aeróbico, que você ainda não retomou. Com o passar do tempo e uma rotina de atividades, é provável que ela reduza bastante sua incidência. Pois, o condicionamento irá progredir aos poucos.

Sport Life
Publicidade
Publicidade