PUBLICIDADE

Atriz Mabel Calzolari morre de doença rara

O Dr. Wanderley Cerqueira, neurocirurgião explica as causas da 'aracnoidite torácica'

23 jun 2021 13h11
| atualizado às 22h59
ver comentários
Publicidade
A atriz Mabel Calzolari, morreu aos 21 anos devido à uma doença rara
A atriz Mabel Calzolari, morreu aos 21 anos devido à uma doença rara
Foto: Instagram: @mabelcalzolarii / Saúde em Dia

Na última terça-feira, 22/6, a atriz Mabel Calzolari, morreu aos 21 anos devido à uma doença rara descoberta em 2019 logo após o nascimento do filho. Ela ficou conhecida pelo trabalho na novela Orgulho e Paixão (2018) e também em Malhação.  

Para entender as causas da 'aracnoidite torácica', o SD conversou com o Dr. Wanderley Cerqueira, neurocirurgião do Hospital Albert Einstein e Rede D'Or São Luiz.  

De acordo com o neurocirurgião a aracnoidite não é uma doença e sim uma manifestação rara que pode ter diversas causas que levam ao espessamento da membrana aracnoide comprometendo desde o cérebro até à medula e suas raízes em qualquer faixa etária. Frequentemente ela atinge mais a coluna lombar, torácica e cérebro.

A Aracnoidite é causada por conta de traumas, infecções crônicas (meningites), tumores, hemorragias subaracnoides, cirurgias da coluna, reação à medicação por raquianestesia ou por infecções como: a sífilis, tuberculose, neurocisticercose, que é a larva da carne de porco.

O tratamento é realizado para aliviar as dores, pois elas são intensas e persistentes. Para tal são recomendados anti-inflamatórios que são divididos em 2 categorias. Os não hormonais compostos de naproxeno, diclofenato, ibuprofeno ou nimesulida e os hormonais - corticoides como prednisolona e dexametasona.

"Existem 3 membranas que envolvem a medula e o cérebro são a dura-máter (externa) aracnoide (média) e pia-máter (interna). Os pacientes que sofrem com a aracnoidite sentem dores ou déficits neurológicos, edema de papila ocular, perda de visão e também pode ter paraplegia", explica.

Vale ressaltar que os efeitos colaterais dos corticoides são diversos, entre eles: obesidade, estrias na pele, surgimento do diabetes, formação de pelos nas mulheres, fome excessiva, retenção de líquidos, queda da imunidade, faces lua cheia (rosto arredondado) e síndrome de Cushing.

Consultoria: Dr. Wanderley Cerqueira de Lima- neurologista e neurocirurgião

Albert Einstein e Rede D'Or. 

Saúde em Dia
Publicidade
Publicidade