2 eventos ao vivo

Criança que brinca descalça se equilibra melhor e salta mais longe, diz estudo

Pesquisa comparou as habilidades de quem brinca descalça ou usando calçado e viu que essa opção faz a diferença

11 jul 2018
14h21
  • separator
  • comentários

Você ainda tem receio de deixar seu filho brincar descalço na rua? Esse hábito pode ser positivo para as habilidades físicas dele, segundo um estudo feito com crianças e adolescentes entre 6 e 18 anos. A pesquisa descobriu melhores resultados no teste de equilíbrio e salto em distância entre as crianças entre 6 e 10 anos que andam descalças. 

Do outro lado, os resultados indicaram que as crianças que brincam calçadas corriam mais rápido, tanto nesta faixa etária quanto dos 11 aos 14 anos.

Quando adolescentes, dos 15 aos 18 anos, os descalços também vão melhor em salto em distância, ainda apresentando tempos mais lentos.

Para obter esses resultados, pesquisadores da Alemanha e da África do Sul fizeram testes com 810 crianças e adolescentes entre 6 e 18 anos. Deles, 425 costumavam brincar calçados e 385 descalços.

Foram feitos três testes. No de equilíbrio, era pedido às crianças que elas andassem para trás em três tipos de traves olímpicas, com larguras de 6, 4,5 e 3 centímetros. Os pesquisadores contavam quantos passos elas conseguiam dar, em uma velocidade confortável a elas

No de salto, eles pediam que as crianças pulassem o mais longe que conseguissem. Por último, o de velocidade testava o tempo que as crianças conseguiam chegar ao outro lado, 20 metros a frente.

Pisar descalço na terra causa verminoses?

Muitos pais evitam que as crianças brinquem descalças por acreditar que estão preservando a saúde delas. Mas nem sempre isto é verdade. O risco existe. Mas depende do lugar onde a criança brinca: o quintal de casa ou um sítio dificilmente oferecem esse tipo de ameaça, comum quando há fossas ou animais circulando à vontade (nesse caso, os dejetos acumulados poderiam favorecer algum tipo de doença).

Quando há poças de água por perto, também não é indicado deixar a criança com os pés descobertos. "Não existe comprovação de que pisar descalço cause gripe ou resfriado, como algumas mães acreditam", afirma a pediatra Celina da Cunha, de Brasília.

Minha Vida

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade