PUBLICIDADE

Melhores exercícios para panturrilha: como e quando fazer

Angélica Almeida, colunista do Sport Life, explicou quais são os movimentos que desenvolvem a região

20 abr 2023 - 08h00
(atualizado às 10h15)
Compartilhar
Exibir comentários

Fala meus amores, Angélica Almeida na área,  tudo bem com vocês? Nesse post e nos próximos vamos abordar os "melhores exercícios" para cada região do corpo. Lembrando que devemos treinar o corpo de forma global (inteiro) para garantir o bom funcionamento da nossa "máquina".

Sendo assim, vamos começar pelas panturrilhas, que desempenham um papel fundamental nosso organismo. Afinal, elas não servem apenas para andar, ajudar a manter a postura e o equilíbrio. Elas têm também uma função importante na nossa circulação sanguínea, auxiliando o retorno do sangue que circulou no nosso corpo, chamado de sangue venoso, para o coração. Por isso que o cardio é necessário, já que ele ajuda aumentar esse fluxo. E a musculação, por sua vez, contribui no calibre das veias e na limpeza do sangue.

É como se o nosso coração, ou seja, a nossa "bomba principal" tivesse múltiplas bombas centrais e periféricas funcionando como auxiliares, contribuindo no trabalho da circulação do sangue no corpo. Ao todo estima-se que são seis distribuídas pelo nosso corpo, sendo a panturrilha a mais importante dela.

Os músculos das panturrilhas são bem resistentes. Responsáveis por transferirem toda a potência gerada pelos outros grupos musculares dos pés. Sendo assim, de nada adianta desenvolver músculos do quadril (glúteo) e do joelhos( quadríceps e anteriores de coxa) se a panturrilha não estiver em dia.

Melhores exercícios para panturrilha

Panturrilha vertical – Foto: Shutterstock
Panturrilha vertical – Foto: Shutterstock
Foto: Sport Life

Panturrilha vertical. Mais conhecido como panturrilha em pé, possui uma grande variedade de exercícios. Livre ( peso corporal), unilateral ou em máquinas diversas. Se você é iniciante sugiro que realize o movimento convencional, já que, além de seguro, é amplamente estudado. Se já é praticante de atividade física, teste novas variedades, posição dos pés para dentro ou para fora e evolução de carga ou repetição.

++ Leia Mais: Emagrecimento repentino: o que pode ser?

Minha rotina consiste em iniciar o treino com séries de panturrilha vertical com o peso corporal. Em seguida, o treino principal, que não é focado nas panturrilhas, mas mantém elas ativadas e fortalecidas também nos agachamentos.

Para os iniciantes, a  panturrilha pode ser trabalhada com exercícios que têm maior número de séries com menos repetições (de 10 a 12) em três séries. O ideal é fazer os exercícios em dias alternados para evitar o cansaço excessivo da musculatura.

Intermediários e avançados, realizem novas variações sempre dando um novo estimulo para o corpo. Desde que sua condição física permita. Panturrilha aguenta intensidade, afinal, não é à toa que nos sustenta o dia inteiro. Pratiquem. Até a próxima!

Sport Life
Compartilhar
Publicidade
Publicidade