PUBLICIDADE

O que é biosfera e sua importância para o planeta

A biosfera tem relação direta com a vida na Terra, com a geografia e com o meio ambiente, e apresenta algumas divisões

1 mar 2024 - 05h00
Compartilhar
Exibir comentários
Resumo
A biosfera é a camada da Terra em que a vida é possível, composta por interação entre seres vivos e suas relações com o ambiente. Sua importância para a vida no planeta é destacada, ao mesmo tempo em que sua degradação pode ser impactaste para a existência de vida.
Representação da biosfera em desenho
Representação da biosfera em desenho
Foto: Andreus / iStock

Um item fundamental para a existência de vida no planeta Terra é a biosfera, um aspecto que diferencia o planeta de outros e que contribui não apenas para a manutenção das condições de vida no globo, mas também para a criação de diferentes espécies de animais e plantas.

A biosfera tem um papel fundamental para os seres humanos e para o planeta e sua preservação está relacionada também à preservação do meio ambiente, já que a biosfera pode ser afetada de maneira profunda e irreversível pelos impactos de fenômenos acelerados pelas mudanças climáticas.

O conceito de biosfera se relaciona também com outros aspectos das ciências naturais e humanas. Por causa disso, a compreensão do que é e quais os tipos e características da biosfera contribui para estudos em áreas como geografia, biologia e outras presentes em provas diversas, como vestibulares e o ENEM (Exame Nacional do Ensino Médio).

O que é biosfera? 

A biosfera pode ser definida como o ambiente do globo terrestre em que a vida é possível, em diferentes formas. Além disso, é na biosfera em que ocorre a interação entre esses seres vivos, sejam eles animais, vegetais ou mesmo físicos, como florestas, rios e mares. Assim, tudo o que agrupa elementos naturais que torna a vida na Terra possível é chamado de biosfera.

O termo biosfera tem origem no idioma grego, onde “bíos” significa vida e “sfaira” quer dizer a forma esférica. Assim, a biosfera seria uma esfera de vida, sendo o ponto do globo em que existem diferentes seres vivos e relações entre esses seres e o ambiente ao seu redor.

Quais são as camadas da biosfera?

A biosfera pode ser compreendida como a camada do planeta em que a vida de seres vivos, sejam eles humanos, animais, plantas ou outras formas de vida, é possível. Essa camada tem relação com outras presentes na Terra, e que podem ou não possuir vida.

Atmosfera

A atmosfera é uma mistura de gases, como oxigênio, nitrogênio e dióxido de carbono, que fornece o ar respirável. Essa camada está presente em todo o planeta e contribui também para preservar a temperatura e proteger a superfície de raios ultravioletas ou de radiações. A camada de ozônio, por exemplo, faz parte da atmosfera.

Litosfera

A litosfera é a camada da Terra formada por rochas vulcânicas e minerais sólidos, como o alumínio e o magnésio. Essa área do planeta pode ter espessura entre 5 e 15 km no fundo do oceano e entre 20 e 70 km nas áreas continentais. A lava vulcânica está presente nessa camada da Terra.

Hidrosfera

A hidrosfera é composta pela água gasosa, líquida ou sólida presente no planeta, seja ela doce ou salgada. Assim, os rios, mares, oceanos, lagos, lençóis freáticos, umidade do ar e geleiras são exemplos de componentes da hidrosfera. Alguns estudiosos, porém, acreditam que as porções de gelo poderiam ser englobadas em uma nova definição, chamada de criosfera.

Quais as características da biosfera?

Estudos indicam que a biosfera existe em uma faixa entre 13 km e 19 km da terra, onde a vida no planeta existe. Isso significa que esse é o limite do planeta em que existem condições ambientais para os seres vivos existirem, o que inclui regiões profundas de oceano e altitudes elevadas em montanhas, por exemplo.

Essa faixa do planeta permite a presença de oxigênio, calor, água, luz e recursos naturais que são importantes para a vida dos seres vivos. Além disso, quanto maior é a distância da superfície da terra, menores são as condições de vida.

Como a biosfera é dividida?

Além de outras dimensões da biosfera, existe uma divisão entre a região da Terra que possibilita a existência de vida. A visão é baseada no habitat natural dos seres vivos.

  • Epinociclo: é a parte terrestre da biosfera, como desertos, savanas, florestas e campos;
  • Talassociclo: está relacionado à parte dos oceanos, habitat de animais marinhos, e engloba as zonas nerítica (próxima à superfície), batial (de profundidade média) e abissal (de águas profundas, de até 11 mil metros);
  • Limnociclo: parte da biosfera correspondente aos ambientes de água doce, que podem ser organizados como águas lênticas (águas paradas de lagoas, lagos, pântanos) e águas lóticas (águas em movimento de rios, riachos e córregos).

Qual a importância da biosfera para o planeta?

A biosfera é essencial para a vida na Terra, já que a existência de uma camada que combina diferentes elementos químicos que contribuíram para o desenvolvimento dos seres vivos é o que torna o planeta diferente de outros do sistema solar, com ambientes inóspitos e sem vida.

Na biosfera, diferentes formas de vida humana, animal ou vegetal podem coexistir e permanecer vivas ao longo de milhares de anos. Porém, a biosfera também está sujeita às oscilações de temperatura causadas por fenômenos naturais ou mesmo pela ação humana, já que a degradação ambiental contribui para a perda de elementos importantes para a biosfera.

Por isso, a biosfera é importante para que a manutenção da vida humana seja possível, bem como a existência de animais, plantas, rios, lagos, mares, oceanos, florestas e outros elementos da biodiversidade que dão condições para a existência de seres vivos.

Fique por dentro de notícias ambientais e saiba mais sobre a natureza do Brasil e do mundo. Acompanhe o site Terra Planeta!

Fonte: Redação Terra
Compartilhar
TAGS
Publicidade
Publicidade