PUBLICIDADE
URGENTE
Saiba como doar qualquer valor para o PIX oficial do Rio Grande do Sul

Corpo encontrado em Ipanema é de adolescente que desapareceu no mar durante ressaca

Leonardo Tavares da Silva, de 16 anos, estava desaparecido desde o último domingo, 5, quando uma forte ressaca atingiu as praias do Rio

9 nov 2023 - 12h53
(atualizado às 14h15)
Compartilhar
Exibir comentários
Bombeiros durante as buscas pelo jovem; corpo foi encontrado em Ipanema
Bombeiros durante as buscas pelo jovem; corpo foi encontrado em Ipanema
Foto: Divulgação/Corpo de Bombeiros

O corpo encontrado em Ipanema é do adolescente de 16 anos que desapareceu no mar na manhã do último domingo, 5, naquela mesma região, após uma forte ressaca que atingiu as praias do Rio de Janeiro. A informação foi confirmada ao Terra pela Prefeitura de Resende, onde a vítima morava com a mãe. 

Desde que o jovem havia desaparecido, o Corpo de Bombeiros fazia buscas para localizá-lo. Na tarde de quarta-feira, 8, os bombeiros encontraram um corpo no mar, próximo às Ilhas Cagarras, na altura do Posto 8. Na manhã desta quinta, 9, a mãe fez o reconhecimento e confirmou que se tratava de seu filho. 

"Eu só peço a justiça também, porque ele é menor e eu não autorizei ele vir de lá de Resende para a praia aqui no Rio, e ele veio em um ônibus de excursão para cá. Aí agora aconteceu essa fatalidade com ele. A própria dona da excursão não entrou em contato comigo, ela não me falou nada. Meu filho foi com ela sem autorização minha", disse a cozinheira Alessandra Silva, mãe dele, em entrevista à Rádio Itatiaia

A Prefeitura de Resende informou que, desde o desaparecimento de Leonardo Tavares da Silva se prontificou a prestar auxílio à família, através da Assistência Social do município. No último domingo, 5, a responsável pela vítima entrou em contato com a prefeitura, solicitando um veículo para ir até a capital acompanhar as buscas. O pedido foi atendido e a gestão cedeu o transporte com um veículo da frota municipal.

De acordo com a administração municipal, após o reconhecimento do corpo, a mãe da vítima entrou em contato com a gestão municipal novamente no início da noite de quarta-feira, 8, solicitando apoio financeiro para os procedimentos póstumos. O pedido incluía o translado do corpo, velório, caixão e funeral. A prefeitura relatou que também se dispôs a custear transporte para buscar a família que estava na capital.

No entanto, a mãe do jovem voltou a fazer contato, desta vez agradecendo pelos serviços combinados, mas dizendo que não precisava mais do suporte relacionado ao transporte do corpo e dos trâmites do funeral, pois um familiar acionaria um serviço de seguro funerário.

"A responsável manteve, no entanto, a solicitação pelo transporte somente da família que estava na capital - que foi prontamente atendido pela gestão municipal. A Prefeitura de Resende lamenta pelo acontecimento, deseja os pêsames aos amigos e familiares do adolescente Leonardo Tavares da Silva e se mantém de prontidão e à disposição para acompanhar a situação da família através dos serviços da Assistência Social do município", afirmou em nota. 

Forte ressaca

Na semana passada circularam nas redes sociais vídeos de banhistas que foram surpreendidos por fortes ondas enquanto aproveitavam a praia na faixa de areia no Rio de Janeiro. A água do mar foi até o calçadão, e chegou a invadir a rua em alguns pontos da região.

Na altura do Posto 11, no Leblon, a força das ondas assustou os banhistas, que foram arrastados pelo avanço da água junto com seus objetos. 

Fonte: Redação Terra
Compartilhar
Publicidade
Publicidade