PUBLICIDADE

Afrodisíaco: 3 mil crocodilos se 'animam' com som de helicóptero e reação inusitada chama a atenção

Especialistas explicam que o som das lâminas da aeronave funciona como um 'afrodisíaco' para os répteis

8 nov 2023 - 20h25
Compartilhar
Exibir comentários
Voo baixo de helicópteros 'excita' 3 mil crocodilos em fazenda na Austrália
Voo baixo de helicópteros 'excita' 3 mil crocodilos em fazenda na Austrália
Foto: Reprodução//Redes Sociais

Crocodilos e helicópteros. A combinação inusitada resultou numa cena que dificilmente será esquecida pelos donos de uma fazenda de criação dos répteis em Queensland, na Austrália, onde 3 mil crocodilos-de-água-salgada participaram de uma 'orgia', excitados pelo barulho de uma aeronave que voou próxima ao criadouro. Segundo especialistas, o som das lâminas do helicóptero funciona como um 'afrodisíaco' aos répteis. 

John Lever, dono da Fazenda de Crocodilos Koorana, afirma que os répteis aproveitam a época de tempestades para acasalar, associando a chuva e trovoadas ao período de reprodução. Não é raro, porém, os répteis confundirem o som de helicópteros com o barulho de trovões e ficarem excitados, conta.

No entanto, embalados por uma forte tempestade que atingiu a região Nordeste da Austrália, os crocodilos da fazenda de Lever entraram em frenesi com o voo baixo de um helicóptero militar, que passou pelo local para que a tripulação pudesse fotografar os animais. Assim que a aeronave foi embora, os répteis começaram a 'festinha', afirmou o criador.

"Todos os machos grandes se levantaram, rugiram e gritaram para o céu e, depois que os helicópteros partiram, eles acasalaram como loucos", contou Lever à emissora australiana ABC Far North. "Há algo nas ondas sonoras que realmente os agita". 

O ecologista Cameron Baker, da Universidade Charles Darwin, explica que a paixão dos crocodilos pelas tempestades acontece pois o período de reprodução coincide com a época de chuvas na região. Já o barulho é a forma como os répteis se comunicam. 

"A hipótese atual é que eles usam esses chamados muito baixos e profundos, produzidos pela vibração de todo o corpo", afirma Baker, reforçando o fato de que os crocodilos também podem confundir o barulho e a pressão do ar causada pelos helicópteros com o de outros machos, gerando uma 'corrida' para garantir a reprodução. 

A reprodução desinibida dos crocodilos também é lucrativa para o dono da fazenda que, atualmente, produz cerca de 2 mil ovos por ano. Destes, 1,2 mil vingam em novos animais anualmente. 

Jacaré sem 'boca' e outros bichos que tiveram uma 2ª chance após resgate Jacaré sem 'boca' e outros bichos que tiveram uma 2ª chance após resgate

Fonte: Redação Terra
Compartilhar
Publicidade
Publicidade