0

Vendas despencam. Só Fiat Argo e Ford Ka Sedan cumprem meta

Sob o efeito da pandemia de coronavírus, as vendas de carros despencaram em março. Veja quanto falta para cada modelo igualar fevereiro

24 mar 2020
10h51
atualizado às 10h53
  • separator
  • 0
  • comentários

Somente 19 carros conseguiram vender ao menos 3.000 unidades/mês no Brasil em 2020. De maneira geral, as vendas de fevereiro foram melhores que as de janeiro. Mas, devido à quarentena imposta pela pandemia de coronavírus, dificilmente as metas de março serão batidas. E nem estamos falando das metas internas de cada carro (segredo das montadoras), mas sim de igualar as vendas de fevereiro. Por enquanto, somente dois carros conseguiram atingir essa meta: o Ford Ka Sedan, que já vendeu 406 carros a mais (13%) e o Fiat Argo, que já cumpriu 99,8% do objetivo, faltando apenas 13 carros.

Ford Ka Sedan: único carro do "Clube dos 3.000" que já conseguiu vender mais nos primeiros 23 dias de março do que em fevereiro.
Ford Ka Sedan: único carro do "Clube dos 3.000" que já conseguiu vender mais nos primeiros 23 dias de março do que em fevereiro.
Foto: Ford / Divulgação

A pesquisa que fizemos e publicamos abaixo se refere aos primeiros 23 dias de vendas, segundo a Fenabrave, entidade que controla os licenciamentos de veículos. O bom desempenho do Ka Sedan e do Argo é resultado de promoções realizadas pela Ford e pela Fiat antes da explosão da crise sanitária. Fora do “Clube dos 3.000”, três SUVs também apresentam venda superior nos primeiros 23 dias de março: o Chevrolet Tracker e os Renault Captur e Duster. Desses, o Tracker e o Duster acabaram de estrear novas gerações, portanto é possível que, mesmo com as vendas acima de fevereiro, estejam abaixo das metas estipuladas anteriormente.

Fiat Argo: com promoção antes da pandemia, o hatch está a apenas 13 carros de igualar as vendas de fevereiro.
Fiat Argo: com promoção antes da pandemia, o hatch está a apenas 13 carros de igualar as vendas de fevereiro.
Foto: FCA / Divulgação

O Tracker emplacou 1.859 unidades em 23 dias, contra 1.337 em fevereiro. O Captur obteve 1.086 emplacamentos, contra 949 em fevereiro. E o Duster subiu de 720 para 912. Veja no quadro abaixo quanto cada carro vendeu nos 29 dias de fevereiro, quanto vendeu nos primeiros 23 dias de março, a porcentagem da meta para igualar o mês passado e quantas unidades faltam para cada um.

CARRO 

FEV 

29 dias

MAR

23 dias

META

atingida

FALTA

vender

CHEVROLET ONIX  17.651 11.652 66,0%  5.999
CHEVROLET ONIX PLUS 9.123 6.410  70,3%  2.713
FORD KA  8.183 6.848 83,7% 1.335
HYUNDAI HB20 8.402 6.251 74,4% 2.151
VOLKSWAGEN GOL 5.944 5.438 91,5% 506
FIAT ARGO 5.917 5.904 99,8% 13
RENAULT KWID 5.813 3.867 66,5% 1.946
VW POLO  5.516 3.685  66,8% 1.831
JEEP RENEGADE 5.354 4.261 79,6% 1.093
VOLKSWAGEN T-CROSS 5.373 4.335 80,7% 1.038
FIAT MOBI 4.678 3.420 73,1% 1.258
NISSAN KICKS 4.950 3.486  70,4% 1.464
TOYOTA COROLLA 4.514 3.518 77,9%  996
JEEP COMPASS 4.684  2.931 62,6% 1.753
HYUNDAI CRETA  4.464  3.410 76,4%  1.054
RENAULT SANDERO 4.052 3.178 78,4% 874
FORD KA SEDAN 3.052 3.458   113,3% -406
HONDA HR-V* 2.989 2.706  90,5% 283
VOLKSWAGEN VIRTUS    3.047 2.463  80,8% 584
  • *O Honda HR-V vendeu 3.321 unidades em janeiro, por isso aparece no “Clube dos 3.000”.

Para quem tem interesse em comprar carro durante essa crise, vale a pena ficar de olho nas ofertas das montadoras. A maioria deve ficar contida e fazer campanhas institucionais de apoio à guerra contra a pandemia, mas é possível que haja ofertas tambénm, não só das montadoras, mas também nas concessionárias de regiões específicas.

 

 

Veja também:

Guia do Carro
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade