PUBLICIDADE

Valhalla, a resposta matadora dos ingleses para os vikings

Aston Martin lança supercarro híbrido baseado na Fórmula 1 chamado Valhalla, o paraíso dos antigos vikings

15 jul 2021 19h21
ver comentários
Publicidade
Aston Martin Valhalla Plug-in Hybrid.
Aston Martin Valhalla Plug-in Hybrid.
Foto: Aston Martin / Divulgação

Desde que os antigos vikings invadiram a Inglaterra, na Idade Média, os povos nórdicos vivem atravessados na garganta dos ingleses. De vez em quando, a disputa entre ingleses e vikings surge em filmes e séries de televisão. Na cultura viking, Valhalla era o paraíso. Valhalla está associada a Thor. Na indústria automobilística, Thor está associado à Volvo. Foi inspirada nessas histórias que a Aston Martin desenvolveu o supercarro Valhalla, um híbrido sensacional e matador.

O Aston Martin Valhalla acaba de ser revelado na Inglaterra como carro-conceito. O carro tem motor central, é verdadeiramente focado no motorista e bebe da aerodinâmica e eletrônica do Aston Martin AMR21, que disputa o mundial de Fórmula 1 com os pilotos Sebastian Vettel e Lance Stroll. A ideia é que o carro seja um passo entre o híbrido e o supercarro totalmente elétrico. 

Segundo a Aston Martin, o Valhalla é uma vitrine tecnológica formidável. No entanto, longe de projetar o motorista para fora do circuito, o único foco do Valhalla é envolvê-los em um novo tipo de experiência de direção de supercarro. Ou seja: emoção sem precedentes, prazer e envolvimento do motorista para o topo do setor de supercarros.

No coração do Aston Martin Valhalla está seu novo trem de força PHEV, que possui três motores; o principal deles é um motor 4.0 V8 biturbo montado na parte central traseira. Considerado o motor V8 mais avançado, responsivo e de melhor desempenho já instalado em um Aston Martin, ele apresenta um virabrequim plano para maior capacidade de resposta. 

Acelerando para 7.200 rpm e desenvolvendo 750 cv de potência, o V8 envia tração exclusivamente para o eixo traseiro. Exalando através de um sistema de escapamento leve com abas ativas para um ronco ajustável e autêntico, ele também possui saídas de escape na parte superior para “maximizar o drama visual e auditivo”.

Complementando este novo motor V8 está um sistema híbrido de bateria de 150 kW utilizando um par de motores elétricos: um montado no eixo dianteiro e outro no eixo traseiro. O sistema elétrico contribui com mais 204 cv para uma potência combinada de 950 cavalos. Quando conduzido no modo EV, a energia da bateria é direcionada exclusivamente para o eixo dianteiro. 

Em outros modos de direção, a energia da bateria é dividida entre os eixos dianteiro e traseiro. A porcentagem enviada para cada eixo varia constantemente de acordo com as demandas de direção. Em certas situações, 100% da energia da bateria pode ser enviada para o eixo traseiro, complementando a força total do motor 4.0 V8 para desempenho máximo.

Completando o trem de força está uma transmissão de 8 marchas com embreagem totalmente nova. Projetada e construída exclusivamente para a Aston Martin, esta nova caixa de câmbio paddle-shift foi desenvolvida especificamente para a era híbrida. Apresentando e-reverse (que utiliza os motores elétricos do PHEV e, portanto, economiza peso ao negar a necessidade de uma marcha à ré convencional), a transmissão também possui um diferencial eletrônico de deslizamento limitado (E-Diff) no eixo traseiro para tração máxima e agilidade de manuseio .

Aston Martin Valhalla Plug-in Hybrid.
Aston Martin Valhalla Plug-in Hybrid.
Foto: Aston Martin / Divulgação

Graças ao torque instantâneo dos motores elétricos, o sistema híbrido aumenta o V8 para oferecer uma aceleração sensacional. O torque máximo combinado é de 1.000 Nm. O Aston Martin Valhalla vai de 0 a 100 km/h em apenas 2,5 segundos! A velocidade máxima será de 330 km/h. No modo 100% elétrico, o Valhalla terá a velocidade limitada em 130 km/h. Aston Martin espera que o Valhalla consiga fazer a volta em Nurburgring em 6min30s. O fabricante informa que o carro vai emitir menos de 200 g/km de CO2.

 

Guia do Carro
Publicidade
Publicidade