0

Toyota Hilux desvaloriza menos que a Chevrolet S10

Estudo do KBB Brasil mostra a diferença entre as duas picapes médias mais vendidas do Brasil. Conheça as versões que se destacam

24 fev 2020
05h30
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator
Toyota Hilux: desvalorização média de 9,5%, segundo o KBB.
Toyota Hilux: desvalorização média de 9,5%, segundo o KBB.
Foto: Toyota / Divulgação

A Toyota Hilux e a Chevrolet S10 são as duas maiores rivais do mercado brasileiro. A Hilux vende mais (40.419 contra 32.161 no ano passado). E também leva vantagem no mercado de usados. É o que indica uma pesquisa do site KBB Brasil, especializado em precificação de carros. O estudo foi feito com exclusividade para o GUIA DO CARRO. Segundo o KBB, a Hilux desvaloriza menos na média: -9,5%, contra -10,6% da S10.

No comparativo por versões, a vantagem da Toyota Hilux é maior. A picape menos desvalorizada é a Hilux SRX 4x4 2.8 turbo automática (-1,9%). A picape Chevrolet menos desvalorizada é a S10 LTZ 4x2 2.5 automática (-5,1%). Porém, entre as duas, existem mais duas versões da Hilux, a Power Pack STD 4x4 2.8 manual (-2,4%) e a SR 4x2 2.7 manual (-3,5%). 

Chevrolet S10: depreciação menor na hora da troca, de 32,6%.
Chevrolet S10: depreciação menor na hora da troca, de 32,6%.
Foto: GM / Divulgação

Na depreciação de troca, que é o valor pago pelas revendas no veículo do particular, a Chevrolet leva vantagem (-32,6% contra -32,4%). A versão menos depreciada da Chevrolet na troca é a S10 LTZ 4x2 2.8 CTDi automática (-20,5). A da Toyota é a Hilux SRX 4x4 2.8 automática (-23,8%). O estudo analisou 23 versões das duas picapes.

 

Veja também:

Eldorado Expresso: Fome no Brasil
Guia do Carro
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade