2 eventos ao vivo

Presidente da Audi confia em bom ano e aumenta rede E-tron

Johannes Roscheck diz que Audi E-tron GT e RS E-tron GT estão confirmados para o Brasil e versão esportiva inicia pré-venda no fim de abril

29 mar 2021
07h00
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator
Johannes Roscheck, presidente da Audi do Brasil: "Os meses de janeiro e fevereiro foram os melhores para nós. Pode ser que não seja um ano tão ruim”.
Johannes Roscheck, presidente da Audi do Brasil: "Os meses de janeiro e fevereiro foram os melhores para nós. Pode ser que não seja um ano tão ruim”.
Foto: Audi / Divulgação

O presidente da Audi do Brasil, Johannes Roscheck, mantém a aposta num bom ano para sua marca no país, apesar do agravamento da pandemia de coronavírus e das dificuldades na produção. Por isso, a Audi vai ampliar de 14 para 21 a rede especializada para vender e atender os modelos E-tron, totalmente elétricos.

A aposta de Roscheck, entretanto, é feita num cenário de incertezas. Como será o mercado brasileiro em 2021? “Não sei”, disse Roscheck. “Para ser sincero, estamos numa situação específica. Mundialmente há falta de chips. Não temos um quadro verdadeiro. Os meses de janeiro e fevereiro foram os melhores para nós. Pode ser que não seja um ano tão ruim.”

Apesar da análise sob o ponto de vista do negócio, Johannes Roscheck já fez várias manifestações sobre a importância das medidas sanitárias recomendadas pela Organização Mundial da Saúde para conter o avanço da Covid-19. Mesmo assim, o cronograma da Audi foi mantido. O esportivo RS E-tron GT iniciará a pré-venda no final de abril.

Dianteira do E-tron GT conta com perfil baixo e esportivo.
Dianteira do E-tron GT conta com perfil baixo e esportivo.
Foto: Audi / Divulgação

A previsão da Audi é que 50 unidades dos modelos E-tron GT e RS E-tron GT sejam entregues entre o final de setembro e o início de outubro. O executivo informou que a Audi concluiu a instalação de 70 estações de recarga em pontos estratégicos no Brasil, sendo 28 deles em shopping centers da rede Iguatemi. Há cerca de um ano, a Audi anunciou  investimento de R$ 10 milhões em infraestrutura de recarga de veículos elétricos, que contempla a instalação de até 200 pontos até 2022.

A Audi é líder na venda de carros totalmente elétricos no Brasil. As concessionárias homologadas para vender e atender os carros totalmente elétricos contam com pontos de carga rápida DC de 24 kW e pelo menos um veículo e-tron para test drive.

O Audi E-tron GT tem 4,99 m de comprimento, 2,16 m de largura e somente 1,41 m de altura. A distância entre-eixos é de 2,90 m e o coeficiente de arrasto é de 0,24. Com tração Quattro, ele acelera de 0 a 100 km/h em 4,1 segundos, enquanto o modelo RS precisa de 3,3 segundos. A velocidade máxima é de 245 km/h e 250 km/h, respectivamente.

O E-tron GT é o primeiro veículo totalmente elétrico da Audi produzido na Alemanha – os pioneiros E-tron SUV e E-tron Sportback são fabricados em Bruxelas, na Bélgica. O modelo esportivo é fabricado na linha de Böllinger Höfe, na planta de Neckarsulm. Segundo a Audi, a produção do E-tron GT Quattro e do RS E-tron GT em Böllinger Höfe tem pegada zero de carbono.

 

Guia do Carro
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade