1 evento ao vivo

Conheça o Mach-E, a versão SUV do Ford Mustang

A versão SUV do coupé esportivo mais vendido do mundo estreia em Los Angeles com design surpreendente e novos conceitos de esportividade

19 nov 2019
10h22
  • separator
  • 0
  • comentários

O novíssimo Mustang Mach-E, um SUV elétrico que eleva o conceito de esportividade do famoso “muscle car” para a era da eletricidade, foi apresentado pela Ford em Los Angeles, representando a primeira ampliação da família Mustang em 55 anos. Com conceito inspirado no coupé esportivo mais vendido do mundo, o SUV Mach-E foi concebido para reinventar as ideias de liberdade, progresso e alto desempenho, baseando-se nas novas exigências por sustentabilidade do mercado atual.

Ford Mustang Mach-E.
Ford Mustang Mach-E.
Foto: Divulgação

“No primeiro Salão de Detroit, Henry Ford disse que estava trabalhando em algo que teria o impacto de um raio. Era o Modelo T. Hoje, a Ford se orgulha de novamente apresentar um carro que tem a potência de um raio: o novíssimo Mustang Mach-E elétrico. Um carro rápido, divertido e um símbolo de liberdade para a nova geração de fãs do Mustang”, comenta Bill Ford, presidente do Conselho da Ford.

Produzido em Detroit, a pouca distância da primeira fábrica de Henry Ford, o modelo adota um projeto moderno, com uma dinâmica voltada para o prazer de dirigir e novos recursos de tecnologia e conectividade, passíveis de atualizações para se adaptar às novas necessidades dos consumidores modernos.

Ford Mustang Mach-E.
Ford Mustang Mach-E.
Foto: Divulgação

O design externo é facilmente reconhecido como de um Mustang, devido ao capô prolongado e imponente e ao conjunto óptico agressivo, tanto na dianteira como na traseira, demarcado pelo arranjo interno de LED em três barras. No interior, destacam-se o painel de duplo domo, tradicional de um Mustang, e o projeto mais futurista, caracterizado pela adoção de poucos botões físicos e novos recursos digitais. 

O Mach-E inaugura a nova geração da central multimídia SYNC, com display verticalizado de 15,5” e recurso de reconhecimento das preferências do motorista. É possível receber atualizações sem fio para o sistema SYNC e também para parâmetros do veículo, como melhoria de desempenho e adoção novos mecanismos. O sistema de áudio conta com dez alto-falantes e 500 watts, podendo opcionalmente ser da marca Bang & Olufsen.

“O SYNC de nova geração começa a se adaptar a você assim que você começa a usá-lo, aprendendo rapidamente as suas preferências e fazendo sugestões personalizadas. Ele pode sugerir ir para a academia se aprender que segunda-feira é dia de treinar ou ligar para casa se você fizer isso todos os dias depois do trabalho. É um assistente conectado na nuvem, com interface intuitiva, bonita e pronta para o futuro graças às atualizações rápidas sem fio”, afirma Darren Palmer, diretor global de Veículos Elétricos da Ford.

Ford Mustang Mach-E.
Ford Mustang Mach-E.
Foto: Divulgação

O Mach-E, além de ser fiel aos conceitos de esportividade do Mustang, utiliza a nova arquitetura elétrica da Ford, com bateria instalada na parte inferior do veículo, promovendo amplo espaço interno pra passageiros e bagagem. De acordo com a montadora, são 821 litros de capacidade no porta-malas traseiro e 136 litros no compartimento dianteiro (posicionado no lugar do tradicional motor a combustão).

“Graças aos avanços na tecnologia de baterias, o Mustang Mach-E é o tipo de carro que empolga as pessoas ao dirigir, com uma silhueta esportiva e incrível, raramente vista em SUVs”, comenta Ron Heiser, engenheiro-chefe do programa.

O SUV elétrico será vendido com duas opções de bateria: padrão (75,7 kWh de 288 células) ou de longo alcance (98,8 kWh de 376 células), com tração traseira ou integral, acionada por motores de ímã permanente. Com bateria de longo alcance e tração traseira, a autonomia é de até 480 km no padrão EPA. 

A Ford Connected Charging, estação de recarga da marca, adiciona em média 51 km de autonomia por hora de recarga em tomada de 240 V (modelos com bateria de alcance estendido e tração traseira). Com o carregador móvel disponibilizado pela Ford, a escala de carregamento é de 35 km de autonomia por hora, também em tomadas de 240 V. Já em estação de recarga rápida com corrente contínua de 150 kW, pode-se obter um acréscimo de autonomia de 75 km em apenas 10 minutos de recarga, atingindo até 80% do total em cerca de 38 minutos.

Nos modelos com tração integral, a potência máxima estimada é de 336 cv, com torque de 559 Nm. A aceleração de 0-100 km/h, segundo a Ford, é mais eficiente que a versão mais básica do Porsche Macan (6,1 segundos). 

Ford Mustang Mach-E.
Ford Mustang Mach-E.
Foto: Divulgação

O Mustang Mach-E terá duas versões especiais de performance: a GT, com aceleração de 0-100 km/h estimada em menos de 4 segundos, e a GT Performance Edition, capaz de atingir os 100 km/h em cerca de 3 segundos. O motor será o mesmo para ambos os modelos GT, com potência de 465 cv e torque de 829 Nm.

Apesar de ter marcha única, para frente e para trás, o SUV elétrico possui três modos de condução: Whisper (sussurro), Engage (engajado) e Unbridled (desenfreado) que, além de alterar parâmetros de performance do veículo, personalizam a iluminação ambiente e modificam o som percebido pelos ocupantes através do conjunto de alto-falantes.

“O Mustang Mach-E acaba com a noção de que os veículos elétricos são bons apenas para reduzir o consumo de combustível. As pessoas querem um carro que seja emocionante de dirigir, que seja lindo e possa se adaptar facilmente ao seu estilo de vida. O Mustang Mach-E oferece tudo isso com um estilo incomparável”, afirma Hau Thai-Tang, diretor de Desenvolvimento do Produto e Compras da Ford. 

Ford Mustang Mach-E.
Ford Mustang Mach-E.
Foto: Divulgação

Na América do Norte e na Europa, a Ford já iniciou a pré-venda do modelo pela internet, assegurada por um depósito inicial de 500 dólares. A versão GT também já pode ser reservada, mas a entrega só está programada a partir do segundo trimestre de 2021. O SUV também terá uma série limitada, a First Edition, equipada com tração integral, autonomia estendida e detalhes visuais exclusivos, como pinças de freio pintadas de vermelho. Por enquanto, para o Brasil ainda não há previsão de vendas do Mustang Mach-E.

Guia do Carro
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade