PUBLICIDADE

Briga entre Toyota Hilux e Chevrolet S10 vai esquentar

Mercado de picapes vai se tornar ainda mais competitivo nos próximos anos, por isso a Hilux e a S10 vão ganhar novas gerações

27 jul 2021 09h10
| atualizado às 11h25
ver comentários
Publicidade
Projeção da nova Hilux feita por Kleber Silva.
Projeção da nova Hilux feita por Kleber Silva.
Foto: Kleber Silva / KDesign

Toyota Hilux e Chevrolet S10 terão grandes novidades nos próximos anos para manter o domínio no mercado de picapes médias com carroceria sobre chassi. A GM trabalha com uma estratégia em três etapas. A Toyota trabalha com visão mais a longo prazo. Faltando uma semana para o fim de julho, a Hilux tem 3.636 vendas e a S10 soma 3.367, uma diferença de apenas 269 unidades depois que a GM regularizou a produção.

A General Motors quer recuperar o atraso. Ainda este ano, a Chevrolet S10 vai ganhar a inédita versão Z71. Trata-se de uma configuração voltada para o off-road e que visa combater o crescimento da Ford Ranger Storm. Baseada na Chevrolet Colorado ZR2 americana, a S10 Z71 terá suspensão elevada, amortecedores adaptativos e bitola mais larga (distância entre as rodas do mesmo eixo). O motor será o 2.8 turbo diesel de 200 cv e 500 Nm. O câmbio será o automático de 6 marchas e a tração 4x4 com reduzida.

Projeção da nova Hilux feita por Kleber Silva.
Projeção da nova Hilux feita por Kleber Silva.
Foto: Kleber Silva / KDesign

A estratégia da GM é oferecer também uma opção mais em conta para a Ram 1500 Rebel, que é caríssima e também tem origem americana. Para 2023, a Chevrolet S10 será totalmente renovada. Sua base será a nova Chevrolet Colorado, já flagrada em testes nos Estados Unidos. Porém, segundo informações do site GM Authority, a plataforma será a mesma utilizada atualmente. Uma mudança mais profunda virá na parte final da década.

Projeção da futura Chevrolet S10 High Country.
Projeção da futura Chevrolet S10 High Country.
Foto: Kleber Silva / KDesign

Já a Toyota Hilux  deve manter sua estratégia até 2025, quando será lançada a nova geração da picape. Espera-se uma grande evolução técnica, pois a plataforma vai mudar. Será a GA-F, que contará com elementos da TNGA (Corolla). A nova plataforma já está sendo utilizada pelo SUV Land Cruiser 300. A nova plataforma vai permitir à Toyota reduzir o peso da Hilux, o que deixará a picape mais eficiente.

Renderização da futura Toyota Hilux feita na Austrália.
Renderização da futura Toyota Hilux feita na Austrália.
Foto: C ar Advice / Reprodução

Há previsão de propulsão híbrida para a Toyota Hilux 2025 (o que deve ocorrer também com a próxima geração da Chevrolet Colorado). Como a marca japonesa aposta forte na fórmula do motor a combustão com dois ou três motores elétricos, a Hilux pode ser a primeira picape de volume a contar com motores híbridos no mercado brasileiro.

Visualmente, a Toyota Hilux 2025 e a Chevrolet S10 também terão mudanças. O designer Kleber Silva já fez projeções utilizando elementos dos modelos atuais e e de novos lançamentos. A grade proeminente, muito utilizada nos Estados Unidos, começa a ganhar o mundo. A própria Hilux reforçou este elemento na atual geração e até a Fiat Toro (uma picape menos robusta, com carroceria monobloco), adotou esse estilo nas versões Ranch e Ultra.

Projeção da Chevrolet S10 Z71.
Projeção da Chevrolet S10 Z71.
Foto: KLeber Silva / KDesign

A Toyota e a GM consideram também que o mercado ficará mais acirrado com a entrada da Stellantis. Antes um projeto relativamente modesta da PSA, a Peugeot Landtrek ganhou potencial depois que a marca se uniu à Ram sob a administração da Stellantis. A própria Ram desenvolve uma picape monobloco maior do que a Toro para brigar com a Ford Maverick, mas a Peugeot Landtrek vai atacar o coração da GM e da Toyota, que são as picapes S10 e Hilux. 

Por isso, além de mudar a carroceria, a nova Hilux pode ganhar novos motores V6 biturbo, além da propulsão híbrida. Uma opção é o motor 3.5 a gasolina de 415 cv de potência e 649 Nm de torque; a outra é o motor 3.3 a diesel de 309 cv e 699 Nm. A nova Hilux deve contar com câmbio automático de 10 marchas e tração 4x4 com reduzida. A questão dos motores pode ser uma fortaleza da Peugeot Landtrek se ela beber na fonte da Ram.

Nova Chevrolet Colorado em testes nos EUA.
Nova Chevrolet Colorado em testes nos EUA.
Foto: Autoblog / Reprodução
Guia do Carro
Publicidade
Publicidade