2 eventos ao vivo

YouTube testa botão 'aplaudir', que permite doações de usuários

Por enquanto, recurso está disponível apenas para alguns países e somente na versão Studio, voltada para youtubers e criadores de conteúdo

31 jan 2020
14h22
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

O YouTube começou a testar na segunda-feira, 27, uma nova ferramenta de doação, que pode mudar a forma como os canais ganham dinheiro na plataforma. Nomeada de 'aplauso', a função está disponível incialmente apenas na versão Studio e permite ao usuário doar R$ 2 a seu canal de preferência.

Até o momento, apenas um pequeno grupo de países está apto a testar a ferramenta. Estados Unidos, Brasil, Japão, Índia, Austrália, México, Coreia do Sul e Nova Zelândia já conseguem ver o botão aplaudir, que segundo relatos, está aparecendo aleatoriamente em alguns canais do YouTube Studio, versão exclusiva para youtubers e criadores de conteúdo.

Conforme Barbara Macdonald, gerente de monetização do YouTube, a ideia é que a ferramenta seja construída em parceria com os canais. Tanto que o botão precisa ser ativado pelo dono da marca, caso ele veja vantagem em habilitar a ferramenta. Isso pode ser feito por meio dos seguintes passos:

  1. Acesse o YouTube Studio;
  2. Vá na opção 'Monetização';
  3. Abra a guia 'Supers';
  4. Selecione 'Ativar aplausos de espectador'.

Por enquanto, apenas uma opção de valor está disponível para a doação. Para o Brasil são R$ 2, enquanto nos Estados Unidos são US$ 2. Segundo a empresa, o youtuber irá receber 70% desse total. Os outros 30% ficam para a plataforma.

Veja a explicação de Barbara Macdonald sobre a ferramenta:

Aplauso é alternativa a Super Chats e Super Stickers

Para alguns, a ferramenta pode não parecer tão 'exclusiva'. Isso, porque o próprio YouTube já tem as opções Super Chats e Super Stickers, que estão disponíveis durante transmissões ao vivo e servem para que o usuário possa destacar a sua mensagem no chat, por meio de um fundo colorido ou animação.

Porém, existem algumas diferenças importantes entre um e outro. O aplauso estará disponível para todos os vídeos públicos, incluindo os que não forem gravados em livestream, o que não acontece com as outras ferramentas 'super'.

Outro aspecto interessante são os valores de pagamento. No caso da nova ferramenta, eles estão fixados em R$ 2 - com o Super Chats e Super Stickers os valores começam em R$ 2 e podem ir até R$ 500.

Como funciona a função aplauso?

Discreto, o botão aplaudir pode ser visto ao lado da já conhecida opção 'não curti'. Ao clicar na nova função, aparece a seguinte a mensagem: "Compra um aplauso divertido e animado por R$ 2; o criador ganha uma parte da compra".

Em seguida, uma tela de pagamento se abre para que seja realizada a doação. Entre as opções de pagamento possíveis estão o Google Pay, cartão de crédito e débito, PayPal, entre outros. Se a transação for aprovada, duas mãos aplaudindo irão aparecer na tela e um recibo será enviado por e-mail. Veja o passo a passo:

O usuário pode aplaudir quantas vezes quiser, entretanto, assim como acontece nas ferramentas Super Chats e Super Stickers, há um limite máximo de gastos por pessoa. No caso dos Estados Unidos, eles são de US$ 500 por dia e US$ 2.000 por semana. É extremamente importante destacar que esses valores não são reembolsáveis, por isso, devem ser utilizados com cautela pelo usuário.

Veja também:

Como a Tesla fez de Musk a 2ª pessoa mais rica do mundo
Estadão
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade