PUBLICIDADE

Pandemia fez varejo digital avançar 10 anos em 2: veja como

A Inteligência Artificial ganhou protagonismo como nunca visto antes por conta da pandemia. E isso vai mudar tudo no Black Friday 2021.

28 out 2021 07h30
ver comentários
Publicidade
Nunca é tarde demais para adotar a IA para oferecer a melhor experiência ao seu cliente
Nunca é tarde demais para adotar a IA para oferecer a melhor experiência ao seu cliente
Foto: Peggy & Marco Lachmann-Anke / Pixabay

O uso da Inteligência Artificial no comércio eletrônico está crescendo cada vez mais. Isso porque, depois de 2020, a impressão é que o varejo digital acelerou dez anos em dois.

Com o isolamento social, o mundo se voltou ainda mais para o virtual – e isso impulsionou muitas empresas a reordenar suas equipes de suporte ao cliente, enquanto faziam a transição de seus funcionários das lojas físicas para o atendimento online.

Mas, enquanto 2020 foi um ano de muito aprendizado sobre novas formas de se criar conexões profundas entre pessoas, 2021 está sendo o período de realização e de vivenciar, na prática, todos os insights do ano anterior.

Veja o que pontua Bárbara Gurjão, Head Commercial for Key Accounts da Sinch, empresa de comunicação  em nuvem.

Com a pandemia, varejo digital avançou 10 anos em 2:

Quando se trata de varejo, contar com o apoio da Inteligência Artificial (principalmente a Conversacional) foi crucial para fornecer uma experiência excepcional aos consumidores, aumentar a eficiência das operações e do planejamento, além de reduzir custos.

Nesse mar virtual de competições, muitas das grandes companhias varejistas já usufruem de tecnologias para surfar nessa nova onda de consumo.

Mas, se isso não é o caso da sua empresa ainda, nunca é tarde demais para adotar a IA para oferecer a melhor experiência ao seu cliente – principalmente tratando-se de altas temporadas, como a Black Friday e a Cyber Monday.

Homework Homework
Publicidade
Publicidade