0

Apple rebate Goldman sobre impacto negativo de testes gratuitos do Apple TV+

13 set 2019
17h21
atualizado às 18h21
  • separator
  • 0
  • comentários

A Apple rebateu nesta sexta-feira um relatório do Goldman Sachs que afirma que os planos da empresa de contabilizar o testes gratuitos de seu novo serviço de streaming Apple TV+ terão um impacto negativo em seus resultados.

CEO da Apple, Tim Cook, apresenta trailer de "See", para o Apple TV+, em evento na sede da empresa em Cupertino, Califórnia (EUA) 
10/09/2019
REUTERS/Stephen Lam
CEO da Apple, Tim Cook, apresenta trailer de "See", para o Apple TV+, em evento na sede da empresa em Cupertino, Califórnia (EUA) 10/09/2019 REUTERS/Stephen Lam
Foto: Reuters

"Não esperamos que a introdução do Apple TV+, incluindo o tratamento contábil do serviço, tenha um impacto material em nossos resultados financeiros", afirmou a Apple à Reuters.

O Goldman Sachs havia cortado anteriormente sua meta de preço para a ação da Apple, afirmando que seus planos de contabilizar os testes gratuitos do Apple TV+ provavelmente prejudicarão os preços médios de venda, lucro bruto e ganhos por ação.

Uma porta-voz do Goldman Sachs disse que o banco se recusou a comentar o assunto além do que foi declarado no relatório do analista.

Reuters Reuters - Esta publicação inclusive informação e dados são de propriedade intelectual de Reuters. Fica expresamente proibido seu uso ou de seu nome sem a prévia autorização de Reuters. Todos os direitos reservados.
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade