PUBLICIDADE

#36: São Paulo parou no tempo e virou uma bagunça

O podcast 'Terrabolistas' debateu a troca de comando do time do Morumbi, os tropeços dos líderes e o fim do jejum do Palmeiras

19 out 2021 09h20
| atualizado às 09h21
ver comentários
Publicidade

O São Paulo parece longe de voltar a ser o clube que virou exemplo de organização no começo dos anos 2000 com a conquista do tricampeonato da Libertadores e o tri consecutivo do Brasileirão. Na semana passada, a diretoria do time do Morumbi levou menos de 3h entre anunciar a demissão de Hernán Crespo e a contratação de Rogério Ceni. O ídolo são-paulino ainda comandou treino no mesmo dia à noite. A troca foi assunto do do podcast Terrabolistas.

Para o repórter Mateus Figueiredo, o "São Paulo é uma bagunça" e precisa entender que não existe mais no mundo do futebol a mesma configuração dos anos de 2005 a 2008, quando a equipe brilhou no cenário sul-americano.

Os tropeços de Atlético-MG e Flamengo também entraram na pauta do podcast. Líder e vice-líder perderam a chance de distanciarem enfrentando adversários da parte debaixo da tabela. Já o Palmeiras voltou a vencer após cinco jogos. A marca negativa do duelo no Allianz Parque ficou pelo destempero de Edenilson, que xingou Bráulio Machado e foi expulso.

Rogério Ceni lamentou empate na estreia no comando do São Paulo
Rogério Ceni lamentou empate na estreia no comando do São Paulo
Foto: Mauro Horita / Estadão

O debate ainda abrangeu o estado emocional de Neymar e o destaque de Raphinha pela Seleção Brasileira. A concorrência por uma vaga no ataque para a Copa de 2022 está grande.

Este episódio do Terrabolistas foi produzido por Aline Küller, Mateus Figueiredo e Silvio Barsetti. 

Fonte: Equipe portal
Publicidade
Publicidade