0

Trump apoia secretário do Trabalho em meio ao caso Epstein; diz que vai se inteirar do assunto

9 jul 2019
15h20
  • separator
  • 0
  • comentários

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, apoiou o secretário do Trabalho, Alexander Acosta, nesta terça-feira, mas disse que vai se inteirar sobre como Acosta lidou com o caso do financista Jeffrey Epstein durante período como promotor na Flórida.

Presidente dos EUA, Donald Trump, na Casa Branca
09/07/2019
REUTERS/Carlos Barria
Presidente dos EUA, Donald Trump, na Casa Branca 09/07/2019 REUTERS/Carlos Barria
Foto: Reuters

"Eu posso dizer a vocês que por dois anos e meio ele tem sido um excelente secretário do Trabalho. Ele tem feito um trabalho fantástico", disse Trump a repórteres na Casa Branca.

Na terça-feira, parlamentares democratas pediram a renúncia de Acosta, cujo acordo judicial com Epstein em 2008 sobre crimes sexuais atraiu um novo escrutínio agora.

O acordo permitiu que Epstein alegasse uma ofensa menor. Ele cumpriu 13 meses em uma prisão do condado da Flórida em regime semiaberto, ficando fora durante o dia, e foi requerido que se registrasse como agressor sexual.

Trump disse que se sentiu mal por Acosta.

"Eu ouvi que havia muita gente envolvida nessa decisão, não apenas ele", disse o presidente. "O resto, vamos ter que olhar. Teremos que olhar com muito cuidado. Mas você está falando de muito tempo atrás."

Reuters Reuters - Esta publicação inclusive informação e dados são de propriedade intelectual de Reuters. Fica expresamente proibido seu uso ou de seu nome sem a prévia autorização de Reuters. Todos os direitos reservados.
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade