PUBLICIDADE

OTAN culpa míssil iraniano por queda de avião

10 jan 2020 13h14
| atualizado às 13h21
ver comentários
Publicidade

O secretário-geral da Organização do Tratado do Atlântico Norte (OTAN), Jens Stoltenberg, declarou não ter motivos para duvidar dos relatórios de inteligência americanos e canadenses que culpam um míssil iraniano pela queda de um avião da Ukraine International Airlines (UIA) em Teerã.

O secretário-geral da OTAN, Jens Stoltenberg
O secretário-geral da OTAN, Jens Stoltenberg
Foto: EPA / Ansa - Brasil

"Não entrarei em detalhes de nossa inteligência, mas o que posso dizer é que não temos motivos para não acreditar nos relatórios de diversas capitais aliadas da OTAN", declarou Stoltenberg, cobrando do Irã uma investigação "transparente" e com "plena cooperação".

Todas as 176 pessoas que estavam a bordo da aeronave morreram na tragédia.

Ansa - Brasil   
Publicidade
Publicidade