PUBLICIDADE

OMS fecha acordo com Pfizer para iniciar vacinação contra Covid em países pobres em fevereiro

22 jan 2021 14h28
| atualizado às 15h00
ver comentários
Publicidade

A Organização Mundial da Saúde (OMS) informou nesta sexta-feira que chegou a um acordo com a Pfizer PFE.N para a obtenção de 40 milhões de doses de sua vacina contra Covid-19, possibilitando o início da vacinação de pessoas em países pobres e de renda média-baixa, sob seu programa Covax, no mês que vem.

Vacinação contra Covid-19 com imunizante da Pfizer-BioNTech COVID-19 em Lamballe-Armor, França
 22/1/2021 REUTERS/Benoit Tessier
Vacinação contra Covid-19 com imunizante da Pfizer-BioNTech COVID-19 em Lamballe-Armor, França 22/1/2021 REUTERS/Benoit Tessier
Foto: Reuters

O Covax envolve acordos para centenas de milhões de doses para vacinar pessoas em países pobres e de renda média-baixa, mas ainda não começou a imunização. A vacina da Pfizer é até agora a única que tem aprovação emergencial da OMS.

O diretor-geral da OMS, Tedros Adhanom Ghebreyesus, disse em uma entrevista que o novo acordo com a Pfizer deve permitir o início da vacinação em fevereiro para profissionais de saúde.

O CEO da Pfizer, Albert Bourla, disse que os 40 milhões de doses serão comercializados sem fins lucrativos. Bourla descreveu o acordo como inicial e disse que mais doses poderiam ser vendidas por meio do programa Covax no futuro.

Reuters Reuters - Esta publicação inclusive informação e dados são de propriedade intelectual de Reuters. Fica expresamente proibido seu uso ou de seu nome sem a prévia autorização de Reuters. Todos os direitos reservados.
Publicidade
Publicidade