PUBLICIDADE

Mundo

Marido de noiva morta logo após casamento vai receber indenização de R$ 7 milhões

A noiva, Samantha Miller, morreu após um carro em alta velocidade atingir a traseira de um carrinho de golfe onde ela e o noivo estavam

24 jun 2024 - 12h24
(atualizado às 13h03)
Compartilhar
Exibir comentários
Noiva morre ao deixar a própria festa de casamento após acidente com motorista bêbada
Noiva morre ao deixar a própria festa de casamento após acidente com motorista bêbada
Foto: Reprodução/Redes Sociais

Aric Hutchinson, o marido de Samantha Miller, mulher que morreu em um acidente após o casamento nos Estados Unidos, receberá uma indenização de US$ 1,3 milhão (cerca de R$ 7 milhões, na cotação atual). O acordo parcial foi aprovado por um juiz da Carolina do Sul, segundo a CBS News.

O acidente, que teve grande repercussão na época, aconteceu no fim de abril de 2023, na Carolina do Sul. Samantha, de 34 anos, morreu após um carro em alta velocidade atingir a traseira de um carrinho de golfe onde ela, o noivo e uma terceira pessoa estavam. Eles estavam saindo da festa de casamento deles. 

O carrinho capotou várias vezes e parou 90 metros depois da colisão. O noivo foi hospitalizado com lesão cerebral, ossos quebrados e precisou passar por duas cirurgias reconstrutivas.

De acordo com o Departamento de Segurança Pública de Folly Beach, Andrew Gilreath, a motorista, Jamie Lee Komoroski, estava alcoolizada e dirigindo a 105 km/h em uma via cujo limite é 40 km/h. Ela foi acusada de homicídio veicular imprudente e três acusações por dirigir alcoolizada, causando a morte. Em março deste ano, ela foi libertada sob fiança e seu processo ainda está em andamento.

Após o acidente, Hutchinson processou Jamie Lee e incluiu em um processo de homicídio culposo --quando não há intenção de matar-- três bares que serviram bebidas para ela naquela noite. De acordo com o processo inicial aberto, os estabelecimentos permitiram que a mulher ficasse embriagada ou continuaram vendendo álcool quando ela já estava bêbada. Uma seguradora de carro e uma locadora de veículos também foram processadas.

Na sentença, o juiz ordenou que as empresas paguem a indenização à Hutchinson, que é o representante do patrimônio de Samantha. Embora citada no processo, Jamie Lee não faz parte do acordo.

Fonte: Redação Terra
Compartilhar
Publicidade
Seu Terra












Publicidade