2 eventos ao vivo

Neonazista confessa ter assassinado político alemão

Stephan Ernst admitiu ter matado Walter Lübcke em junho de 2019

5 ago 2020
14h22
atualizado às 14h49
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

O neonazista Stephan Ernst, de 46 anos de idade, confessou em seu julgamento nesta quarta-feira (5) ter assassinado o político alemão Walter Lübcke, antigo membro do partido União Democrata-Cristã (CDU).

Stephan Ernst, de 46 anos, assassinou Walter Lübcke em junho de 2019
Stephan Ernst, de 46 anos, assassinou Walter Lübcke em junho de 2019
Foto: EPA / Ansa

Em 3 de junho de 2019, Lübcke foi baleado na cabeça e foi encontrado caído na varanda de sua residência em Wolfhagem, no oeste da Alemanha. O crime chocou o país.

Durante a audiência no Tribunal de Frankfurt, Ernst informou através de seu advogado que disparou o tiro que matou o alemão.

O assassinato teve motivação política, já que Lübcke defendia publicamente refugiados.

Essa é a primeira vez, desde a Segunda Guerra Mundial, que um crime como esse é julgado na Alemanha. .

Veja também:

O mergulhador paraplégico que ajuda a limpar mar em Israel
Ansa - Brasil   
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade