PUBLICIDADE

Homem que ameaçou ataque em Washington não tinha bomba

Dentro do carro de Floyd Ray Roseberry, porém, haviam materiais para confeccionar explosivos, informaram autoridades dos EUA

20 ago 2021 08h31
| atualizado às 08h51
ver comentários
Publicidade
Polícia dos EUA cerca região, próximo ao Capitólio, onde homem ameaçava explodir bomba
Polícia dos EUA cerca região, próximo ao Capitólio, onde homem ameaçava explodir bomba
Foto: Elizabeth Frantz / Reuters

O homem que ameaçava explodir uma caminhonete na área do Capitólio, em Washington, não possuía bomba no interior do veículo, informou a polícia local na noite de quinta-feira, 19. Dentro do carro, porém, haviam materiais para confeccionar explosivos.

Identificado como Floyd Ray Roseberry, 49 anos, o homem foi preso após horas de negociação com o FBI e a Polícia do Capitólio. Até durante o período em que estava dentro do veículo, ele chegou a fazer uma transmissão ao vivo pelo Facebook.

Na rede social, haviam diversos posts em favor do ex-presidente Donald Trump, mensagens pedindo a "deposição de Joe Biden e a renúncia dos democratas" por conta da guerra no Afeganistão, além de fazer defesas dos militares.

O Facebook removeu todos os vídeos e postagens horas após a prisão de Roseberry.

Desde o dia 6 de janeiro, quando apoiadores de Trump invadiram o Capitólio para impedir a promulgação da vitória de Biden, em ação que culminou em cinco mortes, essa é a segunda vez que uma pessoa ameaça o centro político dos EUA. Em abril, um homem atropelou e matou um policial e feriu outro ao avançar contra uma barreira.

Ansa - Brasil   
Publicidade
Publicidade