0

Conversações sobre Líbia avançam em Moscou, mas ainda sem acordo

13 jan 2020
14h44
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

As conversações com o objetivo de se chegar a um cessar-fogo incondicional e sem prazo determinado na Líbia fracassaram na obtenção de um acordo nesta segunda-feira, apesar dos progressos feitos, disse o ministro das Relações Exteriores da Rússia.

Comandante do Exército Nacional da Líbia, Khalifa Haftar, cumprimenta ministro das Relações Exteriores da Rússia, Sergei Lavrov, em Moscou
13/01/2020
Ministério das Relações Exteriores da Federação Russa/Divulgação via REUTERS
Comandante do Exército Nacional da Líbia, Khalifa Haftar, cumprimenta ministro das Relações Exteriores da Rússia, Sergei Lavrov, em Moscou 13/01/2020 Ministério das Relações Exteriores da Federação Russa/Divulgação via REUTERS
Foto: Reuters

Sergei Lavrov disse que alguns lados do conflito assinaram o acordo de cessar-fogo, mas que Khalifa Haftar, comandante da facção do Exército Nacional da Líbia, que está tentando conquistar a capital Trípoli, pediu mais tempo para considerar o assunto.

O ministro das Relações Exteriores da Turquia, Mevlut Cavusoglu, disse que Haftar pediu até terça-feira de manhã para considerar o acordo.

Os líderes da Líbia realizaram conversações de paz indiretas em Moscou na segunda-feira, com a Rússia e a Turquia pedindo aos rivais que assinem uma trégua para encerrar uma guerra de nove meses e abrir caminho para um acordo que estabilizaria o país do norte da África.

Veja também:

China responderá a sanções dos EUA
Reuters Reuters - Esta publicação inclusive informação e dados são de propriedade intelectual de Reuters. Fica expresamente proibido seu uso ou de seu nome sem a prévia autorização de Reuters. Todos os direitos reservados.
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade