PUBLICIDADE

Blinken visita Afeganistão para debater retirada de tropas

Série de encontros ocorre após anúncio de saída após 20 anos

15 abr 2021
11h20 atualizado às 11h32
0comentários
11h20 atualizado às 11h32
Publicidade

O secretário norte-americano de Estado, Antony Blinken, chegou nesta quinta-feira (15) ao Afeganistão onde fará uma série de encontros oficiais para debater a retirada das tropas norte-americanas do país após 20 anos.

"Quero demonstrar com a minha visita o contínuo compromisso dos Estados Unidos na relação com a República Islâmica e com o povo afegão. A parceria está mudando, mas ela será duradoura", disse Blinken após se reunir com o presidente Ashraf Ghani.

O mandatário destacou que "respeita a decisão" e que o governo está "ajustando" suas prioridades no momento.

A visita ocorre um dia depois de Joe Biden anunciar formalmente a retirada das tropas norte-americanas do território afegão.

Apesar do acordo firmado pelo então presidente Donald Trump prever a saída total até 4 de maio, o democrata anunciou que o processo será finalizado até 11 de setembro.

O simbolismo da data não é por acaso. O ataque às Torres Gêmeas e ao Pentágono em 2001 foram o que impulsionaram o início da guerra sob a presidência de George W. Bush em um ataque direto contra os extremistas da Al-Qaeda. No entanto, como havia classificado Trump, essa se tornou uma "guerra eterna".

Cerca de 2,5 mil soldados retornarão aos EUA até a data estipulada, além de quase 10 mil militares internacionais de mais de 30 países. A guerra no Afeganistão deixou mais de 100 mil afegãos mortos ou feridos e matou 2,3 mil soldados. .
   

Ansa - Brasil   
Publicidade
Publicidade