PUBLICIDADE

Autoridades temem mais mortes por tsunami em Tonga

Número de mortos confirmado é de duas pessoas, mas fotos aéreas mostram vilas destruídas

18 jan 2022 10h23
| atualizado às 10h31
ver comentários
Publicidade
Vista aérea de casas cobertas por cinzas em Nomuka, em Tonga
Vista aérea de casas cobertas por cinzas em Nomuka, em Tonga
Foto: Reuters

As ilhas menores exteriores do arquipélago de Tonga sofreram prejuízos extensos após uma gigantesca erupção vulcânica seguida de um tsunami, com a destruição inteira de uma vila e muitas construções desaparecidas, afirmou um diplomata do país na terça-feira.

O número de mortos confirmado é de duas pessoas, mas duas fotos tiradas pela aeronave de reconhecimento da Força de Defesa da Nova Zelândia (NZDF) mostraram cenas "alarmantes" de uma vila destruída em Mango Island e de construções desaparecidas na ilha próxima de Atata, afirmou o vice-diretor da missão diplomática de Tonga na Austrália, Curtis Tu'ihalangingie.

"As pessoas entram em pânico, correm e ficam feridas. Possivelmente haverá mais mortes e nós apenas rezamos para que não seja o caso", disse Tu'ihalangingie à Reuters.

Tonga deve emitir pedidos formais de ajuda em breve, mas enquanto isso não ocorre a Nova Zelândia afirmou que dois navios, o HMNZS Wellington e o  HMNZS Aotearoa, haviam saído do país com suprimentos de água, equipes de resgate e um helicóptero.

A polícia de Tonga disse ao Alto Comissariado da Nova Zelândia que o número de mortos da erupção de sábado e tsunami era de duas pessoas, mas como as comunicações com o arquipélago no Pacífico Sul estão cortadas, a extensão verdadeira das vítimas não estava clara.

O ministro australiano para o Pacífico, Zed Seselja, disse que as autoridades de Tonga esperam retirar pessoas das ilhas de Ha'apai, que estão isoladas e inundadas, e das ilhas exteriores do arquipélago, onde as condições estão "muito duras, assim entendemos, com muitas casas destruídas pelo tsunami".

Reuters Reuters - Esta publicação inclusive informação e dados são de propriedade intelectual de Reuters. Fica expresamente proibido seu uso ou de seu nome sem a prévia autorização de Reuters. Todos os direitos reservados.
Publicidade
Publicidade