0

Bachelet anuncia volta ao Chile e aumenta rumores sobre candidatura

A ex-presidente é apontada como favorita na disputa pela presidência do país pelas pesquisas divulgadas pela imprensa

15 mar 2013
22h54
atualizado às 22h55
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator
Em 2010, após deixar a presidência, Bachelet foi nomeada pelo secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon, diretora da recém criada ONU Mulheres
Em 2010, após deixar a presidência, Bachelet foi nomeada pelo secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon, diretora da recém criada ONU Mulheres
Foto: Reuters

A ex-presidente do Chile, Michele Bachelet, renunciou nesta sexta-feira ao cargo de diretora do braço da Organização das Nações Unidas (ONU) para as mulheres. “Vou voltar ao meu país”, disse, em mensagem no Twitter, aumentando os rumores de que ela deve ser candidata à presidência chilena no final deste ano.

Bachelet confirmou ao Canal 13 que abandona o cargo e volta ao Chile. No entanto, ela ainda não falou sobre a possibilidade de ser a candidata da coalizão Concertación ao cargo que ocupou entre 2006 e 2010.

As pesquisas divulgadas até agora pela imprensa chilena mostram o favoritismo de Bachelet em um eventual confronto com o candidato do governo de Sebastián Piñera, o ministro da Mineração Laurence Golborne, que ficou conhecido após o resgate dos mineiros do Atacama.

O Chile, onde a reeleição imediata é vetada pela Constituição, escolherá seu próximo governante para o período 2014-2018 no dia 17 de novembro deste ano. 

Veja também:

A igreja que conecta fiéis a Deus com a ajuda do álcool
Fonte: Terra
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade