0

RJ tem 5 candidatos presos por crimes eleitorais

Bombeiro Nascimento, João Baptista, Marcelo Borges, Everton Gomes e Mauricio Araujo foram detidos por uso de carro de som e prática de boca de urna

5 out 2014
11h38
atualizado às 15h00
  • separator
  • comentários

Fiscais a serviço do Tribunal Regional Eleitoral do Rio de Janeiro (TRE-RJ) prenderam cinco candidatos por crimes eleitorais neste domingo (5). Bombeiro Nascimento, João Baptista, Marcelo Borges, Everton Gomes e Mauricio Araujo foram detidos por realizar boca de urna e usar carro de som, práticas proibidas por lei no dia das eleições.

Candidato a deputado estadual pelo PROS (Partido Republicano da Ordem Social), Bombeiro Nascimento foi preso por utilizar um carro de som. Marcelo Borges, que disputa o cargo de deputado federal no Estado pelo PDT (Partido Democrático Trabalhista), e Dr. João Baptista, candidato a deputado estadual pelo PT (Partido dos Trabalhadores), foram detidos por boca de urna. Mais tarde, Everton Gomes, candidato a deputado federal pelo PDT, e Mauricio Araujo, candidato a deputado estadual pelo SD (Solidariedade) também foram flagrados. 

De acordo com a lei eleitoral, ambas as irregularidades são consideradas criminosas, assim como a promoção de comício ou carreata e a divulgação de qualquer espécie de propaganda de partidos políticos ou de seus candidatos. Tais infrações podem ser punidas com multa e detenção, de seis meses a um ano, com a alternativa de prestação de serviços à comunidade pelo mesmo período.

Guia do eleitor Guia do eleitor

 

Fonte: Terra
  • separator
  • comentários
publicidade