PUBLICIDADE

Enem

MEC divulga edital do Enem; correção da redação fica mais rigorosa

Após receita de miojo e hino do Palmeiras nos textos do ano passado, o MEC resolveu fazer mudanças para garantir rigor na correção

9 mai 2013 08h56
| atualizado às 15h06
ver comentários
Publicidade
<p>As provas do Enem deste ano serão aplicadas nos dias 26 e 27 de outubro</p>
As provas do Enem deste ano serão aplicadas nos dias 26 e 27 de outubro
Foto: Edson Lopes Júnior / Terra

O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep), órgão vinculado ao Ministério da Educação (MEC), publicou na edição desta quinta-feira do Diário Oficial da União o edital da edição de 2013 do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). As provas serão aplicadas nos dias 26 e 27 de outubro em todo o País. A expectativa do governo é que cerca de 6 milhões de pessoas se inscrevam para as provas.

Entre as principais mudanças na edição deste ano está a correção mais rigorosa das redações. Uma das medidas é que os textos com inserções indevidas – como uma receita de macarrão instantâneo em 2012 - serão zeradas. Outra mudança prevê que serão aceitos apenas desvios gramaticais excepcionais e que não caracterizem reincidência. Antes, eram permitidos "escassos" desvios.

Inscrições
As inscrições serão feitas das 10h do dia 13 de maio, segunda-feira, até as 23h59 do dia 27 de maio (horário de Brasília). O valor da taxa será de R$ 35, com pagamento somente no Banco do Brasil até o dia 29 de maio. Alunos de escolas públicas e que declararem carência socioeconômica estão isentos do pagamento da taxa. As inscrições serão efetuadas exclusivamente pela página do Inep na internet.

Para efetivar a inscrição é preciso ter em mãos o número do CPF e do documento de identidade. Quem necessitar de atendimento diferenciado (pessoas com algum tipo de deficiência, guardadores do sábado, etc.) precisa informar a condição no ato da inscrição.

Enem 2013 Datas
Início das inscrições 13 de maio
Fim das inscrições 27 de maio
Pagamento da taxa de R$ 35 até 29 de maio
Primeiro dia de provas 26 de outubro, das 13h às 17h30
Segundo dia de provas 27 de outubro, das 13h às 18h30
Gabaritos Até o dia 30 de outubro

Provas
No dia 26 de outubro, sábado, serão aplicadas as provas de Ciências Humanas e suas Tecnologias (história, geografia, filosofia e sociologia) e de Ciências da Natureza e suas Tecnologias (química, física e biologia), com duração de quatro horas e 30 minutos. No segundo dia os candidatos farão as provas de Linguagens, Códigos e suas Tecnologias (português, literatura, inglês ou espanhol, artes, educação física e tecnologias da informação e comunicação); Redação e Matemática e suas Tecnologias, com duração de cinco horas e 30 minutos.

O exame será aplicado em todo o País e os locais serão indicados no cartão de confirmação da inscrição, que estará disponível no site do exame. As provas terão início às 13h nos dois dias, com abertura dos portões às 12h. Os guardadores de sábado deverão comparecer aos locais de prova às 13h, mas só começarão a prova a partir das 19h.

Para fazer a prova é obrigatória a apresentação de documento de identificação original com foto. Quem não tiver o documento deverá apresentar um boletim de ocorrência emitido no máximo em 90 dias antes da prova e se submeter a identificação especial.

O que é proibido
Durante a aplicação das provas é proibido fazer qualquer espécie de consulta ou comunicar-se com outros participantes; portar lápis, caneta de material não transparente, lapiseira, borrachas, livros, anotações e quaisquer dispositivos eletrônicos, como calculadoras, celulares e relógios; utilizar óculos escuros e chapéus; e portar armas.

Também é proibido ausentar-se do local de prova antes de decorridas duas horas do início do exame. Celulares e outros aparelhos eletrônicos serão guardados em um porta-objetos fornecido pelos aplicadores. O candidato somente poderá levar o seu caderno de questões ao deixar em definitivo a sala de provas nos últimos 30 minutos que antecedem o término das provas.

Rigor na redação
Para garantir maior rigor na correção das redações, inserções indevidas serão zeradas e para garantir a nota máxima serão aceitos apenas desvios gramaticais excepcionais e que não caracterizem reincidência. 

Além disso, a expectativa é que uma a cada três redações irá para um terceiro corretor, antes o índice era de aproximadamente 21%. Isso ocorrerá quando houver uma discrepância de mais de 100 pontos entre os dois primeiros corretores. No ano passado, a discrepância tinha que ser de mais de 200 pontos para que fosse encaminhado a um terceiro avaliador. 

O edital também prevê maior rigor para os corretores, que terão mais horas de capacitação e serão acompanhados e avaliados. Eles poderão ser dispensados inclusive durante a correção.

A nota final corresponde à média aritmética simples das notas atribuídas pelos dois corretores. Caso haja discrepância entre eles, a redação será corrigida, de forma independente, por um terceiro corretor. Se não houver discrepância entre o terceiro corretor e os outros dois ou caso haja discrepância entre o terceiro corretor e apenas um dos corretores, a nota final será a média aritmética entre as duas notas totais que mais se aproximarem, sendo descartadas as demais notas.  Mas no caso do terceiro corretor apresentar discrepância com os outros corretores, o texto será avaliado por uma banca, que atribuirá a nota final.

Redação nota zero
Receberá nota zero o texto que não atender à proposta solicitada ou que possua outra estrutura textual que não seja dissertativo-argumentativa - será considerado fuga ao tema/não atendimento à estrutura; que não apresentar texto escrito na folha de redação, que apresentar até sete linhas; que apresentar impropérios, desenhos e outras formas propositais de anulação, bem como que desrespeite os direitos humanos; que apresentar parte do texto deliberadamente desconectada com o tema proposto (como no caso do macarrão instantâneo em (2012).

Resultados
Os gabaritos das provas objetivas serão divulgados na página do Inep até o terceiro dia útil seguinte ao de realização das provas. Os candidatos poderão acessar os seus resultados individuais em data a ser posteriormente divulgada, mediante inserção do número de inscrição e senha ou CPF e senha no sistema.

Os participantes poderão requerer vista de suas provas de redação, exclusivamente para fins pedagógicos, após divulgação do resultado.

Veja fotos que marcaram o Enem 2012

&amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;lt;a data-cke-saved-href=&amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;quot;http://www.terra.com.br/noticias/educacao/infograficos/enem/iframe.htm&amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;quot; href=&amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;quot;http://www.terra.com.br/noticias/educacao/infograficos/enem/iframe.htm&amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;quot;&amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;gt;veja o infogr&amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;aacute;fico&amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;lt;/a&amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;gt;
Fonte: Terra
Publicidade
Publicidade