Enem 2018: Inep divulga resultado do exame

As inscrições para o Sisu começam na próxima terça-feira, 22, e vão até o dia 25; exame pode ser usado no ProUni e em universidades de Portugal

18 jan 2019
00h20
atualizado às 21h05
  • separator
  • comentários

As notas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2018 foram divulgadas na manhã desta sexta-feira, 18. Os candidatos que fizeram o exame podem acessá-las pela Página do Participante, no site enem.inep.gov.br ou pelo aplicativo Enem 2018.

Para acessar, é preciso informar CPF e senha. O espelho da Redação, ou seja, detalhes da correção do texto só sairá no dia 18 de março, junto com as notas dos treineiros.

Nesta sexta, o Inep também divulga os resultados gerais, com a proficiência média das quatro áreas de conhecimento e da Redação.

Os resultados no Enem podem ser usados pelos estudantes para concorrer a vagas em instituições públicas de ensino superior por meio do Sistema de Seleção Unificada (Sisu), a bolsas em instituições privadas, pelo Programa Universidade para Todos (ProUni), e para participar do Fundo de Financiamento Estudantil (Fies).

Reportagem do Estado aponta que alunos pobres têm só 0,16% de chance de estar entre os melhores do Enem. O levantamento mostrou ainda que, entre os estudantes com nível socioeconômico maior, a possibilidade de estar no grupo com as notas mais altas é de 25%.

Qual a média nacional do Enem?

A média geral de Linguagens, Códigos e suas Tecnologias foi de 526,9 pontos; de Ciências Humanas e suas Tecnologias, 569,2 pontos; em Matemática e suas Tecnologias, 535,5; e Ciências da Natureza e suas Tecnologias, 493,8.

Em relação à Redação, 55 estudantes tiveram nota máxima e 112.559 zeraram o texto. Os principais motivos para o zero foram redação em branco, fuga do tema e cópia de texto motivador. O Inep também informou que 24% dos 5.513.747 inscritos faltaram no exame.

Sisu

As inscrições para o Sisu começam na próxima terça-feira, 22, e vão até as 23h59 do dia 25. Os interessados podem escolher duas opções de curso e é permitido alterar a escolha durante o período de inscrições.

No dia 28, será divulgado o resultado da chamada regular e as matrículas serão entre os dias 30 de janeiro e 4 de fevereiro.

Entre os dias 28 de janeiro e 4 de fevereiro, será possível se inscrever para a lista de espera. A convocação dos candidatos será realizada a partir de 7 de fevereiro.

ProUni

A partir do dia 29, começam as inscrições para o Programa Universidade para Todos (ProUni), que oferece bolsas de estudo integrais e parciais em instituições de ensino superior privadas. Os interessados devem se inscrever até as 23h59 do dia 1º de fevereiro.

O processo seletivo é voltado para estudantes egressos do ensino médio na rede pública ou de escolas particulares caso tenham sido bolsistas integrais, pessoas com deficiência e professores da rede pública. O candidato também precisa ter renda familiar per capita de até três salários mínimos. Para participar do ProUni, o candidato não pode ter diploma de ensino superior.

A seleção é para o primeiro semestre de 2019 e as inscrições dever ser feitas pelo site do programa do Ministério da Educação (MEC).

Portugal

Os resultados do Enem também podem ser utilizados em instituições de ensino superior de Portugal. Segundo o Inep, já foram firmados convênios com 37 instituições, entre elas as universidades de Coimbra, de Lisboa e do Porto.

O convênio mais recente foi realizado com a Universidade Europeia, que oferece cursos nas áreas de Gestão, Direito, Psicologia, Comunicação e, de acordo com o instituto, um de seus destaques é a formação na área de Gestão Hoteleira e Turismo.

Um levantamento do Inep, considerando 23 instituições portuguesas e dados até abril de 2018, aponta que 1.200 brasileiros já ingressaram em faculdades de Portugal por meio desses convênios.

Estadão
  • separator
  • comentários
publicidade