0

Entenda como funciona a maré

Maré de sizígia ou quadratura?

25 ago 2017
17h43
atualizado às 17h55
  • separator
  • comentários

Quem mora no litoral ou já passou um dia inteiro na praia pode acompanhar a variação do nível do mar em relação à faixa de areia.  Esse "efeito" é provocado pelo ciclo diurno da maré que está associado à atração gravitacional entre a Lua e a Terra.

A rotação da Terra e o movimento de translação da Lua (ou seja, o movimento da Lua ao redor da Terra), além da força gravitacional, colaboram para a formação das marés.  A maré alta ocorrerá na face da Terra que está voltada/oposta à Lua; a maré baixa ocorrerá nas faces que estão formando aproximadamente um ângulo de 90° com relação à Lua. Veja a ilustração a seguir:

Foto: Climatempo

Figura 1 - visão esquemática da maré gerada pela força gravitacional exercida pela Lua.

Normalmente ocorrem dois períodos de maré alta e dois períodos de maré baixa ao longo de um dia. O intervalo entre a maré alta e a maré baixa é de aproximadamente 6 horas.

Além da força gravitacional exercida pela Lua, a maré também é influenciada pela força gravitacional que o Sol exerce sobre a Terra. A influência do Sol é menor devido a sua distância, porém também pode ser notada dependendo da fase da Lua.

TIPOS DE MARÉS

Maré de sizígia

A amplitude da maré (ou seja, a diferença entre a maré alta e a maré baixa) será diferente dependendo da fase da lua. Quando estamos em Lua Cheia ou Lua Nova, a força gravitacional da Lua combinada com a do Sol, cria amplitudes maiores da maré (ou seja, marés altas maiores que a média e marés baixas menores do que a média - o mar avança/recua mais em relação à faixa de areia). Neste caso, ocorre a maré de sizígia.

Foto: Climatempo

Maré de quadratura

Quando a Lua está no quarto minguante ou crescente, as forças gravitacionais da Lua e do Sol se opõe, desta forma a amplitude entre a maré alta e a maré baixa será menor (maré alta e maré baixa mais próximas da média - o avanço/recuo do mar não é tão notável quanto na maré de sizígia). Neste caso ocorre a maré de quadratura.

Foto: Climatempo
Climatempo

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade