1 evento ao vivo

TRF4 mantém condenação por unanimidade e amplia pena de Lula

24 jan 2018
17h51
atualizado às 20h12
  • separator
  • 28
  • comentários

Os desembargadores da 8ª Turma do Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4) votaram, por unanimidade, para condenar o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva pelos crime de corrupção passiva e lavagem de dinheiro no julgamento do recurso do processo do apartamento tríplex do Guarujá, no litoral de São Paulo, aumentando a pena fixada anteriormente pelo juiz de primeira instância Sérgio Moro.

Foto: Reuters

O desembargador Victor Luiz dos Santos Laus deu o terceiro voto no colegiado para manter a punição imposta ao petista, seguindo a posição do relator João Pedro Gebran Neto e do revisor Leandro Paulsen.

Essa decisão do colegiado do TRF-4 poderá fazer com que o ex-presidente, líder nas pesquisas na disputa ao Palácio do Planalto em outubro, seja impedido de disputar por poder ser enquadrado na Lei da Ficha Limpa.

O trio concordou em aumentar a pena fixada anterior por Moro, que subiu de 9 anos e 6 meses de prisão para 12 anos e 1 mês em regime fechado.

Devido à unanimidade da sentença, resta a Lula apenas os embargos de declaração como recurso ao próprio TRF-4.

Veja também:

Manifestantes fazem ato em Porto Alegre em defesa de Lula
Ato em defesa da justiça é realizado em Toledo
Grupo anti-Lula faz manifestação no Centro de Cascavel
Reuters Reuters - Esta publicação inclusive informação e dados são de propriedade intelectual de Reuters. Fica expresamente proibido seu uso ou de seu nome sem a prévia autorização de Reuters. Todos os direitos reservados.
  • separator
  • 28
  • comentários
publicidade