5 eventos ao vivo

PGR consulta Itália e quer Pizzolato em mais 2 processos

23 out 2015
14h53
  • separator
  • 0
  • comentários

O procurador-geral da República, Rodrigo Janot, disse hoje (23) que vai pedir ao governo italiano autorização para que o ex-diretor de Marketing do Banco do Brasil Henrique Pizzolato responda a mais dois processos penais.

Foto: Antonio Cruz/ Agência Brasil

Pizzolato chegou ao Brasil na manhã desta sexta-feira, desembarcando no Aeroporto Internacional de Guarulhos, em São Paulo, de onde veio para Brasílai. Acompanhado por policiais federais, ele foi levado ao Instituto Médico-Legal para exames e depois para o Complexo Penitenciário da Papuda, onde ficará preso.

Em entrevista coletiva, Janot detalhou que há um processo penal contra Pizzolato por lavagem de dinheiro no Rio de Janeiro e outro por uso de documento falso em Santa Catarina.

O procurador lembrou que a Itália permitiu a extradição do ex-diretor do Banco Brasil apenas para cumprir apenas a pena prevista na Ação Penal 470, o processo do mensalão. “Ele vem com essas condições. Qualquer outra imputação só pode ser feita de o país de origem autorizar”, disse Janot.

 

Agência Brasil Agência Brasil
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade