0

'É cedo para avaliar, o momento é de cautela', diz Doria sobre Moro

10 jun 2019
12h03
  • separator
  • 0
  • comentários

O governador de São Paulo, João Doria (PSDB), pregou cautela em relação ao caso do ministro da Justiça, Sergio Moro, um dia após o site The Intercept ter publicado uma reportagem que mostra uma suposta colaboração de Moro com as investigações da Lava Jato, quando ele ainda era o juiz responsável pelos julgamentos em primeira instância de processos ligados à operação.

"É cedo para avaliar, temos primeiro que certificar e não precipitar manifestações, decisões e muito menos juízos. É o momento de ter um pouco de cautela, até termos informações mais concretas, antes de fazermos qualquer avaliação", disse o tucano a jornalistas na manhã desta segunda-feira, 10, depois de participar da abertura do 8º Congresso Brasileiro de Inovação da Indústria, que ocorre em São Paulo e é organizado pela Confederação Nacional da Indústria (CNI).

No domingo, dia 9, o site divulgou o suposto conteúdo de mensagens trocadas pelo então juiz federal Moro e por integrantes do Ministério Público Federal, como o procurador da República Deltan Dallagnol, coordenador da força-tarefa em Curitiba.

As conversas mostram que Moro teria orientado investigações da Lava Jato por meio de mensagens trocadas no aplicativo Telegram. De acordo com o site, há conversas escritas e gravadas nas quais Moro sugeriu mudança da ordem de fases da Lava Jato, além de dar conselhos, fornecer pistas e antecipar uma decisão a Dallagnol.

Estadão
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade