PUBLICIDADE

Política

Deputado Miranda chega à CPI usando colete à prova de balas

Parlamentar e seu irmão prestam depoimento sobre suspeitas de irregularidades na compra da vacina Covaxin pelo governo Bolsonaro

25 jun 2021 - 14h59
(atualizado às 15h50)
Compartilhar
Exibir comentários
Deputado Luis Miranda chega ao Senado com colete à prova de balas e bíblia na mão
Deputado Luis Miranda chega ao Senado com colete à prova de balas e bíblia na mão
Foto: Edilson Rodrigues / Agência Senado

O deputado federal Luis Claudio Miranda (DEM-DF) chegou ao Senado Federal para prestar depoimento à CPI da Covid nesta sexta-feira, 25, vestindo um colete à prova de balas, o que chamou atenção dos jornalistas antes do início do testemunho que pode prejudicar a imagem do governo Bolsonaro.

À CNN Brasil, o parlamentar explicou que decidiu usar a proteção porque está recebendo ameaças desde que denunciou irregularidades na compra da vacina indiana Covaxin pelo Executivo.

O irmão do deputado, o servidor da área da saúde Luis Ricardo Miranda, também depõe à CPI. Ele chegou alguns momentos após o parlamentar.

Chefe de importação do Departamento de Logística do Ministério da Saúde, Luis Ricardo Miranda chega ao Senado
Chefe de importação do Departamento de Logística do Ministério da Saúde, Luis Ricardo Miranda chega ao Senado
Foto: Edilson Rodrigues / Agência Senado

Entenda

Na quarta-feira, 23, o deputado Luis Miranda afirmou que levou ao presidente informações sobre suspeitas no contrato firmado para aquisição da Covaxin. Segundo o parlamentar, Bolsonaro disse que iria pedir apuração da Polícia Federal. A autoridade, no entanto, desconhece tal solicitação.

Fonte: Redação Terra
Compartilhar
Publicidade
Seu Terra












Publicidade