PUBLICIDADE

Política

Bolsonaro diz que assessores vão avisar sobre resultado do julgamento

Hoje, o TSE retoma o processo em que ex-presidente é acusado de abuso de poder político por atacar o sistema eleitoral antes das eleições

29 jun 2023 - 09h34
(atualizado às 09h38)
Compartilhar
Exibir comentários
Curiosidade 8: Brasil já teve quase 40 presidentes
Curiosidade 8: Brasil já teve quase 40 presidentes
Foto: Marcelo Camargo / Agência Brasil / Flipar

Antes do início do julgamento que pode torná-lo inelegível, o ex-presidente Jair Bolsonaro (PL) partiu para o Rio de Janeiro, onde afirmou que seguirá uma "agenda abrangente". Ele declarou que seus assessores irão informá-lo sobre os votos dos ministros, já que não poderá estar constantemente em frente à televisão. 

Ao abordar o julgamento, o ex-presidente mais uma vez levantou dúvidas sobre a ação em análise pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

"O que eu errei numa reunião de embaixadores, meu deus do céu? Sempre joguei dentro das quatro linhas (da Constituição)", afirmou ele aos jornalistas antes de embarcar num voo em Brasília com destino ao Rio de Janeiro. 

Nesta quinta-feira, o TSE retoma o julgamento da ação em que Bolsonaro é acusado de abuso de poder político por atacar o sistema eleitoral durante a campanha do ano passado.

Fonte: Redação Terra
Compartilhar
Publicidade
Publicidade