PUBLICIDADE

Decisão de pedido da Petrobras sobre foz do Amazonas deve sair "logo", diz presidente do Ibama

19 jun 2024 - 15h09
Compartilhar
Exibir comentários

O presidente do Ibama, Rodrigo Agostinho, manifestou nesta quarta-feira a expectativa de que haja uma decisão em breve sobre um pedido da Petrobras para realização de estudos visando possível exploração de petróleo na foz do Rio Amazonas, na área conhecida como Margem Equatorial.

"As equipes do Ibama e da Petrobras estão dialogando, complementações estão sendo feitas. Enfim, a gente espera que logo a gente tenha obviamente uma decisão em relação a esse caso", disse Agostinho em entrevista à CNN Brasil.

Localizada entre os litorais do Amapá e do Rio Grande do Norte, a Margem Equatorial é vista por especialistas como uma área de grande potencial para a exploração de petróleo.

Recentemente, o Ibama recusou pedido de licença da Petrobras para realizar estudos visando possível exploração de petróleo na foz do Rio Amazonas no Amapá, parte da Margem Equatorial, o que gerou um racha no governo. A estatal pediu reconsideração da decisão.

Nesta semana, em entrevista à rádio CBN, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva disse que em breve chamaria Ibama, Petrobras e Ministério do Meio Ambiente para decidir sobre a Margem Equatorial e afirmou que o Brasil não perderá a oportunidade de explorar as riquezas da região.

Reuters Reuters - Esta publicação inclusive informação e dados são de propriedade intelectual de Reuters. Fica expresamente proibido seu uso ou de seu nome sem a prévia autorização de Reuters. Todos os direitos reservados.
Compartilhar
TAGS
Publicidade
Seu Terra












Publicidade