PUBLICIDADE

Técnica de enfermagem que atuava como agiota foi morta ao cobrar dívida

Mulher estava desaparecida há uma semana, depois de sair para cobrar o valor de R$ 35 mil; segundo a polícia, devedor fazia parte do esquema

3 ago 2022 - 13h17
(atualizado às 13h24)
Ver comentários
Publicidade
Técnica de enfermagem estava desaparecida há uma semana
Técnica de enfermagem estava desaparecida há uma semana
Foto: Reprodução/Facebook

O corpo da técnica de enfermagem Danyanne da Cunha Januário da Silva, de 35 anos, foi encontrado nesta quarta-feira, 3, em Brazlândia (DF). A mulher estava desaparecida há uma semana, quando saiu de casa para cobrar uma dívida de R$ 35 mil. Duas pessoas foram presas.

As informações são da Polícia Civil do Distrito Federal, que não divulgou sob quais circunstâncias o corpo de Danyanne foi encontrado. Segundo as investigações, a técnica de enfermagem atuava como agiota em um esquema que envolvia mais pessoas. Uma dessas pessoas acabou contraindo uma dívida com a mulher.

No dia 27 de julho, Danyanne saiu de casa para cobrar essa pessoa que, segundo familiares relataram à polícia, era um "conhecido". Conforme os depoimentos, quando ela foi receber o dinheiro, o homem entrou no carro de Danyanne e os dois saíram. A mulher não foi mais vista desde então.

Dois homens, de 24 e 26 anos, foram presos suspeitos de envolvimento no crime. O caso é investigado pela 29ª Delegacia de Polícia do DF, no Riacho Fundo. 

Fonte: Redação Terra
Publicidade
Publicidade