PUBLICIDADE

Cidades

Criminosos furtam móveis de apartamento alugado pelo AirBnb, e dona leva prejuízo

Grupo fez uma “mudança surpresa”, levando móveis e objetos do imóvel em Uberlândia, Minas Gerais

5 dez 2023 - 14h10
(atualizado em 6/12/2023 às 09h33)
Compartilhar
Exibir comentários
Grupo furtou móveis e objetos de apartamento alugado
Grupo furtou móveis e objetos de apartamento alugado
Foto: Divulgação/Polícia Militar

Quatro homens foram presos por praticarem furto em um apartamento alugado pela plataforma AirBnb em Uberlândia, Minas Gerais. Os suspeitos pegaram móveis e outros objetos do imóvel, e fizeram uma “mudança surpresa”, causando prejuízo à dona do local.

De acordo com informações da polícia, a proprietária do apartamento, que fica no bairro Santa Mônica, recebeu uma ligação do síndico avisando que uma mudança estava acontecendo no último sábado, 2. Foi quando ela percebeu que tratava-se de um furto e acionou as autoridades

A mãe da dona do imóvel foi quem entregou a chave para um dos homens, que havia alugado a diária, mas ele não está entre os presos. Os criminosos deixaram as chaves próximas a uma árvore em frente ao prédio para facilitar a “mudança”.

Os policiais foram até o endereço e se depararam com três homens retirando os móveis. Eles afirmaram que foram contratados para fazer um frete, e que o responsável pelo transporte estava a caminho. Um dos suspeitos chegou a mostrar um comprovante de PIX que teria recebido para  levar os móveis até a Rua Nájila Alípio Abrão, no Bairro Santa Luzia.

A polícia esperou no local da entrega e encontrou um homem de 31 anos, que estava esperando os itens furtados. A PM informou que ele tem passagem pela polícia por formação de quadrilha, além de ser considerado um criminoso de alta periculosidade.

O homem estaria esperando a carga a pedido de um primo, de 23 anos. A polícia foi até a residência do jovem, e lá encontrou uma televisão e um aparelho de ar-condicionado enrolados em um lençol.

A vítima reconheceu todos os bens que foram furtados. O suspeito de 23 anos e um outro, de 31, foram abordados pela PM e não souberam responder de onde tinham vindo os bens. Quatro homens foram presos, incluindo os de 23 e 31 anos. O mandante do crime, de 18 anos, segue desaparecido, segundo a polícia.

O Terra entrou em contato com o AirBnb, que informou, por meio de nota, que preza pela segurança e que trabalha para oferecê-la aos anfitriões, hóspedes e comunidade em geral.

"A equipe de segurança da plataforma suspendeu o perfil do hóspede que realizou a reserva em questão enquanto investiga o caso. A equipe do Airbnb também entrou em contato com a anfitriã para oferecer o suporte necessário. 

O Airbnb possui canais de comunicação direta que podem ser acessados por hóspedes e anfitriões, como a Central de Ajuda, com atendimento 24 horas, 7 dias por semana, em 42 idiomas, inclusive português e a Linha de Atendimento Urgente, que permite, por meio do aplicativo do Airbnb, acesso direto a uma equipe de segurança treinada, tanto para anfitriões quanto para hóspedes, em meio a crises ou situações de emergência durante estadias ativas. Nos raros casos de algo dar errado durante uma estadia, o AirCover para anfitriões oferece proteção completa, está sempre incluído e é sempre gratuito em reservas via Airbnb", diz a nota.

Fonte: Redação Terra
Compartilhar
Publicidade
Publicidade