PUBLICIDADE

Pela 6ª vez, Roger Federer conquista Aberto da Austrália

É o 20º título de Grand Slam de uma das lendas do tênis mundial

28 jan 2018 10h13
| atualizado às 10h35
ver comentários
Publicidade

Em um jogo disputadíssimo, o suíço Roger Federer derrotou o croata Marin Cilic por 3 a 2 (6/2, 6/7, 6/3, 3/6, 6/1) e conquistou seu sexto título do Aberto da Austrália neste domingo (28). Em pouco mais de três horas de partida, o tenista de 36 anos mostrou que ainda joga em alto nível e se tornou o maior vencedor da era aberta do torneio australiano - ao lado de Novak Djokovic.

Pela 6ª vez, Roger Federer conquista Aberto da Austrália
Pela 6ª vez, Roger Federer conquista Aberto da Austrália
Foto: EPA / Ansa - Brasil

Dessa forma, Federer chega ao seleto grupo com mais de duas dezenas de conquistas de Grand Slams. Primeiro homem a integrar este grupo, o suíço se junta a Serena Williams, com 23 títulos, e Steffi Graf, com 22. Mesmo com o título, o tenista não volta a liderar o ranking mundial, algo que não acontece desde 2010, porém vê sua diferença para Nadal cair para 155.

Apesar da derrota, Cilic, atual sexto colocado no ranking, já está garantido na terceira colocação do ranqueamento, que será atualizado já nesta segunda-feira, e chega a sua melhor posição na história.

 

20🏆❤️#normaniscominghome #20 #ausopen #RF20

Uma publicação compartilhada por Roger Federer (@rogerfederer) em

O jogo

No primeiro set, Federer foi soberano em quadra. Jogando no mais alto nível, o suíço conseguiu duas quebras rápidas e conseguiu abrir uma vantagem de 4 a 0. O tenista número dois do mundo só teve o trabalho de administrar a vantagem conquistada para fecha o primeiro game em 6/2.

Para a segunda parcial a partida mudou de figura. Se antes o croata apresentava algum nervosismo em quadra, o croata agora se mostrava mais seguro. Jogando de igual pra igual, os dois tenistas disputaram um longo set, em que ninguém conseguiu quebrar o serviço rival, levando a decisão para o tie-break. No desempate, Cilic se mostrou mais consistente que Federer e com dois mini-break igualou a partida e decretou a primeira derrota do suíço num set do torneio.

O destaque do terceiro set ficou para os bons serviços dos tenistas. Com os dois confirmando muito rapidamente os seus serviços, a diferença ficou para o sexto game, quando Federer, com uma quebra fulminante. Sem grandes problemas para confirmar a sua vantagem, o suíço voltou a estar na frente na contagem de sets.

Na quarta parcial, Federer conseguiu uma quebra no primeiro serviço do adversário e novamente abriu uma boa vantagem inicial. No entanto, Cilic mostrou uma ótima reação e surpreendeu o suíço com duas quebra de serviço seguidas, no sexto e no oitavo game, para garantir mais uma vitória de set e forçar um quinto set para a partida.

No set que decidiria o torneio, o maior vencedor de Grand Slams na história voltou a demonstrar sua qualidade em quadra. Após confirmar o seu primeiro serviço com bastante dificuldade, o tenista consegue quebrar o saque do croata e abre 3 a 0. No sexto game, Federer novamente forçou uma quebra para no game seguinte sacar para a vitória do seu 20º título de Grand Slam.

 

(com Gazeta Esportiva)

 

Veja também:

Veja os melhores momentos da vitória do Corinthians sobre o São Paulo :
Ansa - Brasil   
Publicidade
Publicidade