0

Dimitrov sofre, mas avança e encara Anderson nas quartas em Toronto

9 ago 2018
16h40
  • separator
  • comentários

Atual número cinco do mundo, Grigor Dimitrov não teve vida fácil nesta quinta-feira nas oitavas de final do Masters 1000 de Toronto, no Canadá. Após 2h26 de jogo, o búlgaro conseguiu vencer o jovem estadunidense Frances Tiafoe por 2 sets a 1, com parciais de 7/6 (7-1), 3/6 e 7/6 (7-4).

Com o resultado, Dimitrov avança às quartas de final e  terá pela frente o sul-africano Kevin Anderson, superou o ielorrusso vindo do qualificatório  Ilya Ivashka em sets diretos, com parcias de 7/5 e 6/3. No retrospecto, o búlgaro leva a melhor, com seis vitórias em sete jogos.

Soares/Murray e Melo/Kubot caem logo na estreia em Toronto

O jogo começou agitado com Tiafoe precisando salvar três breaks logo em seu primeiro game de saque. E foi do próprio estadunidense a primeira quebra de saque, no quinto game da partida.  No entanto, Dimitrov acabou com a alegria do adversário e devolveu a quebra logo no game seguinte, encaminhando o duelo para o tie-break. No desempate, o búlgaro se impôs e perdeu apenas um ponto, fechando a parcial.

Tiafoe, porém, não se abalou e reagiu. O segundo set foi mais morno e teve apenas uma quebra de saque. No sexto game, o estadunidense conseguiu o break e manteve a vantagem até o final, salvando ainda um break-point contra quando sacava em 5/3.

O terceiro set começou com Tiafoe abrindo 2 a 0, mas Dimitrov também reagiu. Chegou ao empate no quarto game e, sem mais quebras, o jogo foi para mais um tie-break. No desempate, o jovem chegou a abrir 4 a 2, mas viu Dimitrov engrenar cinco pontos seguidos para virar e decretar o triunfo.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade