PUBLICIDADE

Sem Berdych, checos fazem 2 a 0 em cazaques e ficam perto de semi

5 abr 2013 10h14
| atualizado às 12h29
ver comentários
Publicidade
Rosol superou Golubev em um dos duelos do dia
Rosol superou Golubev em um dos duelos do dia
Foto: AP

Atual campeã da Copa Davis, a República Checa não conta com Tomas Berdych, seu melhor jogador, para o confronto de quartas de final da competição com o Cazaquistão. Mesmo assim, a equipe deu um grande passo para se classificar à semifinal na manhã desta sexta-feira, abrindo 2 a 0 no confronto disputado em Astana.

O primeiro ponto da República Checa no duelo foi marcado por Jan Hajek, que não teve problemas para derrotar Mikhail Kukushkin por 3 sets a 0, com parciais de 6/3, 6/2 e 6/4.

Já Lukas Rosol teve mais trabalho para aumentar a vantagem dos atuais campeões da Davis. Em 2h40min, ele venceu Andrey Golubev por 3 sets a 1, com parciais de 4/6, 6/4, 6/2 e 7/6 (8-6).

Com as vitórias desta sexta-feira, a República Checa precisa de apenas mais um ponto em três partidas para selar sua vaga na semifinal da Copa Davis. A definição do confronto pode ocorrer já neste sábado no duelo de duplas entre Radek Stepanek e Ivo Minar e Evgeny Korolev e Yuri Schukin.

Os outros confrontos de quartas de final da Copa Davis opõem Estados Unidos e Sérvia, Canadá e Itália e Argentina e França.

 

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
Publicidade
Publicidade