PUBLICIDADE

Insatisfeito, Bellucci diz que dá para melhorar para domingo

1 fev 2013 19h22
| atualizado às 23h01
ver comentários
Publicidade

O paulista Thomaz Bellucci não esteve em seus melhores dias no jogo contra Sam Querrey, nesta sexta-feira, pela Copa Davis. Derrotado pelo americano por 3 sets a 0, o tenista brasileiro se disse insatisfeito com seu desempenho e projetou "melhorar tudo" para o duelo de domingo contra John Isner.

Com duas derrotas no primeiro dia, Brasil se complicou no Grupo Mundial da Copa Davis
Com duas derrotas no primeiro dia, Brasil se complicou no Grupo Mundial da Copa Davis
Foto: EFE

» Namoradas de tenistas vibram e sofrem durante o Aberto da Austrália
» Confira fotos curiosas e veja Aberto da Austrália por outro ângulo

A vitória de Querrey deixa os Estados Unidos mais perto da classificação às quartas de final da Copa Davis. Com 1 a 0, o time americano precisava de apenas mais duas vitórias em quatro partidas para selar sua vitória no confronto, de forma que o jogo entre Isner e Bellucci pode ser apenas para cumprir tabela. A primeira delas veio com Isner sobre Thiago Alves.

"Dá para melhorar tudo. Hoje não consegui fazer meu jogo, estou bastante insatisfeito, mas não terminou ainda. A gente só perdeu o primeiro ponto, ainda tem mais quatro para serem jogados e vamos ver se a gente consegue o que precisa", disse Bellucci, logo após o jogo, ao SporTV.

O potente saque de Querrey foi determinante no jogo desta sexta-feira. O americano anotou 15 aces e não teve seu serviço ameaçado em nenhum momento da partida. O brasileiro, por sua vez, oscilou nos games em que teve o saque na mão e permitiu a seu adversário uma quebra por set.

"Hoje eu tinha que estar muito concentrado no meu saque para levar o jogo para o tie-break, um 5/5 ou 4/4 para colocar pressão nele, mas não consegui", lamentou o tenista nacional.

No segundo jogo desta sexta-feira, John Isner, número 1 dos Estados Unidos, enfrenta o brasileiro Thiago Alves. No sábado, os mineiros Marcelo Melo e Bruno Soares pegam os irmãos gêmeos Mike e Bob Bryan. No domingo, ocorrem as partidas individuais com os adversários invertidos.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
Publicidade
Publicidade