PUBLICIDADE
Logo do

Palmeiras

Meu time

Auxiliar de Abel cita viagem da Libertadores e mantém filosofia nas quartas do Paulista

9 mai 2021 19h05
| atualizado às 21h02
ver comentários
Publicidade

Envolvido em uma maratona, o Palmeiras decidiu priorizar a Copa Libertadores em detrimento do Campeonato Paulista. Mesmo com a classificação às quartas, alcançada em Campinas na tarde deste domingo, a filosofia de disputar o torneio estadual com formações alternativas será mantida.

Às 21h30 (de Brasília) de terça-feira, pela quarta rodada da Copa Libertadores, o Palmeiras encara o Independiente del Valle, no Estádio Casa Blanca. Já o jogo único contra o Red Bull Bragantino pelas quartas de final do Paulista deve ser disputado na quinta, no interior.

"Não (muda)", avisou João Martins, auxiliar Abel, quando questionado se haveria alguma alteração na preparação do Palmeiras para o mata-mata do torneio estadual. "Sempre fomos muito coerentes com nosso discurso. Tínhamos que escolher os melhores em cada jogo e foi isso que fizemos", prosseguiu.

"Hoje, eram esses os melhores. Felizmente, correu bem, tiveram rendimento. Terça-feira, temos um jogo no Equador. Quinta, temos as quartas de final do Paulista e vão jogar os atletas mais preparados tanto física quanto mentalmente, sabendo que viremos de uma viagem do jogo da Libertadores", completou Martins.

No confronto contra a Ponte Preta, a comissão técnica liderada por Abel Ferreira decidiu preservar Weverton, Alan Empereur, Gustavo Gomez, Luan, Renan, Marcos Rocha, Victor Luis, Felipe Melo, Patrick de Paula, Raphael Veiga, Luiz Adriano e Rony.

O lateral esquerdo Matias Viña e o meio-campista Danilo, escalados como titulares em Campinas, permaneceram em campo até o final. Portanto, não devem começar o confronto com o Independiente del Valle - o ala uruguaio já está livre de suspensão no torneio continental.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
Publicidade
Publicidade