PUBLICIDADE

Motociclismo

Aleix Espargaró vê falta de confiança na Aprilia por título: "Vou continuar me provando"

Aleix Espargaró sente uma falta de confiança na Aprilia em 2023 e, por isso, acredita que terá de se provar a todo momento para mostrar que é possível repetir o excelente desempenho da temporada passada

17 jan 2023 - 05h46
Compartilhar
Exibir comentários
Aleix Espargaró foi um dos protagonistas de 2022
Aleix Espargaró foi um dos protagonistas de 2022
Foto: Divulgação/MotoGP / Grande Prêmio

É verdade que a Ducati e Francesco Bagnaia foram fenômenos em 2022, mas Aleix Espargaró também se destacou com a Aprilia. O piloto de Granollers conquistou a primeira vitória para a equipe na última temporada e chegou até mesmo à reta final do campeonato com chances de título, o que nunca havi acontecido antes.

No entanto, embora tenha mostrado um bom desempenho, o espanhol sente que ninguém está dando o devido crédito à equipe para a temporada de 2023. "Agora ninguém acredita que podemos fazer isso de novo em 2023, mas eu acredito. Entendo que tenho de continuar me provando depois de não lutar por um título por 15 anos", disse ele.

Relacionadas

Aleix Espargaró vê 'trunfo' da Ducati com equipes satélites e cita expectativa com RNF
Aprilia diz que novo formato "será bom" para Aleix Espargaró: "Vai começar muito forte"
Aprilia promete dar tempo a Raúl Fernández: "Queria assinar com ele há muito tempo"

▶️ Inscreva-se nos dois canais do GRANDE PRÊMIO no YouTube: GP | GP2

Aprilia deu um enorme salto de performance na temporada 2022 da MotoGP
Aprilia deu um enorme salto de performance na temporada 2022 da MotoGP
Foto: Aprilia / Grande Prêmio

"Ninguém aqui duvida do Fabio, por exemplo, porque ele sempre lutou pelo Mundial nas últimas três temporadas. Será que neste ano poderei fazer isso de novo?", seguiu.

Para ele, uma parte crucial no desenvolvimento da RS-GP em 2023 será ter a RNF como equipe satélite, que deixou a parceria com a Yamaha. Além disso, Maverick Vinãles se provou melhor no último ano, após toda a confusão com o time de Iwata.

"Maverick vai certamente ter boas apresentações em seu segundo ano completo na Aprilia porque é um piloto muito talentoso. Isso vai me conduzir", analisou.

"O fato de também termos uma equipe satélite é importante para nossos engenheiros em particular. A Ducati teve uma grande vantagem a esse respeito ultimamente. Eles conseguiram testar cinco coisas diferentes em uma sessão devido ao fato de terem tantos pilotos em campo. Isso era impossível para nós. Se usarmos bem a equipe satélite agora, será muito valioso para nós", encerrou Aleix.

Espargaró vai para sua 13ª temporada completa na classe rainha. O triunfo em 2022 também foi o seu primeiro na MotoGP. Além disso, conquistou outros sete pódios e duas pole-positions na temporada passada.

Acesse as versões em espanhol e português-PT do GRANDE PRÊMIO, além dos parceiros Nosso Palestra e Teleguiado.
Grande Prêmio
Compartilhar
Publicidade
Publicidade