PUBLICIDADE
Logo do

Palmeiras

Meu time

Rivais no Choque-Rei, Crespo e Abel Ferreira já se enfrentaram como jogadores pela Liga dos Campeões

Na temporada 2006/07, Inter de Milão e Sporting se enfrentaram pela fase de grupos da Liga dos Campeões. Argentino e português se enfrentaram duas vezes na ocasião

16 abr 2021
10h03 atualizado às 10h03
0comentários
10h03 atualizado às 10h03
Publicidade

O Choque-Rei dessa sexta-feira será especial para Hernán Crespo, técnico do São Paulo e Abel Ferreira, treinador do Palmeiras. Além de ser o primeiro duelo deles na área técnica, o confronto marca o reencontro de dois ex-jogadores que já se enfrentaram em outra ocasião.

Crespo e Abel Ferreira jpa se encontraram como jogadores pela Champiosn League (Foto: Montagem LANCE!)
Crespo e Abel Ferreira jpa se encontraram como jogadores pela Champiosn League (Foto: Montagem LANCE!)
Foto: Lance!

A temporada era 2006/07 e a Liga dos Campeões reservava um grupo B complicado, com Sporting (POR), do então lateral Abel Ferreira, Inter de Milão (ITA), do goleador Hernán Crespo, além de Bayern de Munique (ALE) e Spartak Moscou (RUS).

Foram dois confrontos entre as equipes na chave. No primeiro, em setembro de 2006, Abel Ferreira, número 78 dos Leões, foi titular e ajudou o time a vencer em Portugal, por 1 a 0, com gol de Marco Caneira. Já Crespo começou a partida no banco de reservas, entrando na vaga de Adriano, o Imperador, aos 25 minutos da segunda etapa, mas não conseguiu igualar o placar.

Na jogo da volta dos grupos, em novembro de 2006, Crespo levou a melhor, inclusive como protagonista, marcando o gol da vitória por 1 a 0. Escalado como titular ao lado de Ibrahimovic, o argentino marcou um belo gol aos 36 minutos do primeiro tempo. Já Abel Ferreira, desta vez, foi reserva, mas entrou cedo, aos 15 minutos do primeiro tempo. No entanto, dez minutos depois, acabou saindo contundido.

Momentos na área técnica

Abel começou a carreira de treinador em 2011, nas categorias de base do Sporting. Depois, acabou indo para o Braga, onde treinou o time principal da equipe portuguesa. Em 2019, foi contratado para sua primeira experiência internacional, dirigindo o PAOK (GRE). Em outubro de 2020, após a demissão do técnico Vanderlei Luxemburgo, o Palmeiras acertou com o português.

Em menos de um ano no comando do Verdão, Abel foi campeão da Libertadores e da Copa do Brasil de 2020. Em 35 jogos até o momento, foram 18 vitórias, oito empates e nove derrotas. Vem de dois vice-campeonatos, o da Supercopa do Brasil, para o Flamengo e a Recopa Sul-Americana, quando perdeu para o Defensa y Justicia (ARG).

Ex-atacante com passagem pela seleção argentina, Crespo começou sua carreira de treinador em 2015, no Modena, da Segunda Divisão italiana. Em 2018, ele assumiu o comando do Banfield, de seu país, e em janeiro de 2020 chegou ao Defensa y Justicia.

No clube argentino, fez o seu melhor trabalho. Terminou a Libertadores em terceiro lugar no Grupo G, o mesmo do Santos. Com a eliminação, se classificou para a Sul-Americana, onde foi campeão da competição vencendo o Lanús na final do torneio continental. No São Paulo, são sete jogos, com cinco vitórias, um empate e uma derrota.

Resta saber quem levará a melhor no duelo desta sexta-feira.

Lance!
Publicidade
Publicidade