0

Primeiro Grenal da Libertadores termina em empate e confusão

Em duelo marcado por pouca qualidade técnica e muita luta dentro de campo, os rivais ficaram no empate

12 mar 2020
23h09
atualizado às 23h13
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

O primeiro Grenal da Libertadores foi tenso. Na Arena Grêmio faltou o futebol vistoso e sobrou violência. Em duelo com oito expulsos, Grêmio e Internacional empataram sem gols.Na próxima rodada, o Grêmio encara a Universidad Católica, fora de casa. O Internacional recebe o América de Cali.

(Foto: SILVIO AVILA / AFP)
(Foto: SILVIO AVILA / AFP)
Foto: LANCE!

Os primeiros 45 minutos tiveram mais transpiração do que inspiração. Ao invés do tão aguardado futebol vistoso, a garra gaúcha foi vista dentro de campo e os jogadores entraram tensos dentro de campo.

Quando as coisas acalmaram, cada time chegou da sua maneira. Geromel assustou em cabeçada defendida por Lomba. A resposta do Colorado veio em chute de fora da área com Edenilson.

A melhor oportunidade veio aos 32 minutos. Boschilia saiu na cara de Vanderlei, mas na hora de concluir tentou uma cavadinha e mandou para fora.

Na etapa final o cenário era o mesmo. Muito truncado, o jogo não conseguia fluir e os dois sistemas defensivos conseguiam levar vantagem nas investidas. O jeito foi arriscar de longe e Jean Pyerre, que entrou no lugar de Maicon, deu trabalho a Lomba. Quando o Inter tentou, Edenilson carimbou o poste.

Com pouca mobilidade no ataque, Renato lançou Pepê do banco de reservas e na primeira jogada quase um gol de placa. O jovem arrancou da direita, fez fila, invadiu a área e bateu cruzado. Lomba, bem colocado, defendeu.

Melhor em campo, o Colorado novamente ficou com o grito de gol preso após bela jogada coletiva. Boschilia tabelou com Guerrero, saiu na cara de Vanderlei e acertou a trave.

No contra-ataque, o Grêmio teve a bola do jogo. Everton achou Luciano, que saiu a cara de Lomba. O camisa 9 tentou encobrir e mandou para fora.

Briga

Aos 40 minutos, Moisés e Pepê se desentenderam após dividida e uma grande confusão foi iniciada. Titulares e reservas das duas equipes entraram em conflito e o árbitro expulsou Moisés e Edenilson do Inter e Pepê e Luciano pelo Grêmio.

Quando parecia que os ânimos iriam se acalmar, uma nova confusão foi iniciada entre os atletas e virou pancadaria. No fim, o árbitro expulsou Paulo Miranda e Caio Henrique pelo Tricolor e Victor Cuesta e Praxedes, do Colorado.

Duelo

Com os ânimos mais calmos, a partida foi retomada e não faltou espaço, já que os dois times ficaram com sete atletas. O Grêmio teve a última chance com Lucas Silva, que carimbou o travessão

GRÊMIO x INTERNACIONAL
Local:
Arena Grêmio, Porto Alegre (RS)
Data-Hora: 12/3/2020 - 21h
Árbitro: Fernando Rapallini (ARG)
Auxiliares: Juan Pablo Belatti(ARG) e Gabriel Chade (ARG)

Público/renda: 49.971 pagantes/R$ 3.496.713
Cartões amarelos: David Braz, Alisson (GRE), Musto, Uendel, Marcos Guilherme (INT)
Cartões vermelhos: Pepê, Luciano, Caio Henrique e Paulo Miranda (GRE) Moisés, Edenilson, Victor Cuesta, Praxedes
Gols:

GRÊMIO: Vanderlei; Victor Ferraz, David Braz, Geromel e Caio Henrique; Lucas Silva, Maicon (Jean Pyerre, aos 6/2ºT) e Matheus Henrique; Alisson (Pepê, aos 17/2ºT), Everton e Diego Souza (Luciano, aos 33/2ºT). Técnico: Renato Gaúcho.
INTERNACIONAL: Marcelo Lomba; Rodinei, Bruno Fucs, Victor Cuesta e Uendel (Moisés, ao 0/2ºT); Musto, Edenilson, Boschilia; Marcos Guilherme, Galhardo (D'Alessandro, aos 28/2ºT) e Paolo Guerrero (Rodrigo Lindoso, aos 52/2ºT). Técnico: Eduardo Coudet.

Veja também:

 

Lance!
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade